João Lagos à presidência do COP é “pura ficção”

O empresário João Lagos revelou ter sido apanhado “de surpresa” com uma sugerida candidatura à presidência do Comité Olímpico de Portugal (COP). “Fui esta manhã apanhado totalmente de surpresa. Jamais tal ideia me passou pela cabeça, mas, pelo que me contaram, o meu nome teria sido ventilado na sequência de uma reunião de atletas olímpicos”, disse João Lagos à Agência Lusa. Para o empresário, que conta no seu universo com a PAD/JLS, empresa responsável pela organização da Volta a Portugal entre outras provas, a possibilidade de concorrer ao COP “é pura ficção”.