Tony Martin despede-se da melhor maneira, no C/R misto

 O C/R de Equipas Mistas foi perfeito para a Alemanha O seis alemão foi melhor do que a Holanda e a Itália , num adeus perfeito para Tony Martin.

Image

Tony Martin despede.se da melhor forma do pelotão aos 36 anos . No C/RI , ele terminou em sexto, mas hoje foi-lhe permitido envergar a camisola arco-íris. Pela oitava vez, depois de quatro títulos mundiais de C/RI (entre 2011 e 2016) e três por equipas , com Quick-Step. O título de hoje, porém só foi possível graças às mulheres alemãs (Lisa Klein, Lisa Brennauer e Mieke Kröger),