Lefevere em maus lençóis

Luta como um demónio e chora como uma criança porque a Bora o tratou mal e passados 14 meses volta à mesma equipa, isso diz muito sobre Sam Bennett. Eu tenho coragem, ele não. Ele está no auge da fraqueza mental. É como uma mulher que volta para casa depois de sofrer violência doméstica “, o comentário é de Patrick Lefevere, e está a ser alvo de grande polémica. Nem sempre feliz nos seus comentários, o manager da Deceuninck desabafou de forma infeliz a saída de Sam Bennett para a Bora .