Lance Armstrong quer equipa própria em 2010

É um dos extractos da entrevista – hoje publicada na edição impressa da Gazzetta dello Sport – da mais reveladores do futuro próximo de Lance Armstrong que, no próximo sábado, começa a competir na Volta a Itália, edição centenário. À pergunta da sua recuperação da fractura de clavícula na Volta a Castela e Leão, o norte-americano diz que “pedalou bem” – terminou ontem a participação no Tour de Gila, no Novo México, onde foi segundo classificado atrás do colega de equipa Levi Leipheimer. “Agora começa a minha aventura na Volta a Itália. O meu favorito é Basso, eu terei mais possibilidades no Tour, quando estiver em forma. O que fazer no próximo ano? Gostaria de correr numa equipa toda minha”, disse.