Tom Boonen conquista a clássica Kuurne-Brussel-Kuurne

O belga Tom Boonen (Quick Step) foi o mais rápido de um restrito grupo que discutiu a vitória na clássica Kuurne-Brussel-Kuurne, hoje disputada na Bélgica, ao longo de um traçado de 193 quilómetros. Boonen beneficiou do excelente trabalho de perseguição do seu companheiro Sylvain Chavanel, que anulou uma escapada, já dentro dos últimos cinco quilómetros, de Juan Antonio Flecha (Rabobank). Depois de agrupados os mais fortes em liça, Boonen impôs a sua ponta final sobre Bernhard Eisel (Team Columbia-High Road) e sobre Jeremy Hunt (Cervélo Test Team), que cortaram a meta nas posições seguintes. Tom Boonen sucede ao companheiro de equipa Steve de Jongh, que ganhou esta clássica em 2008, mas que esteve ausente na corrida de hoje devido a lesão.