Lagos: historial de vitórias ao sprint

Garrido e Cândido, vencedores em 2004 e 2003
Garrido e Cândido, vencedores em 2004 e 2003

A chegada a Lagos deverá concluir-se com uma chegada em pelotão, desfecho repetido desde 2003, com a vitória de Cândido Barbosa. Este ano, a organização alterou o tradicional final na marginal, deslocando-o para a zona residencial de Porto de Mós. O novo final, que não deverá ser excepção à regra dos últimos anos, é, no entanto, bastante mais selectivo para os velocistas, com um final em ligeira subida – últimos 75 metros a 10% de inclinação. A chegada está prevista para as 15h09.

Últimos vencedores em Lagos

2008
1 Tomas Vaitkus (Ltu) Astana
2 Robert Förster (Ger) Gerolsteiner
3 Björn Schröder (Ger) Team Milram
2007
1 Alessandro Petacchi (Ita) Milram
2 Bernhard Eisel (Aut) T-Mobile
3 Tomas Vaitkus (Ltu) Discovery Channel
2006
1 Bernhard Eisel (Aut) Française Des Jeux
2 Manuel Cardoso (Por) Carvalhelhos-Boavista
3 Niko Eeckhout (Bel) Chocolade Jacques-Topsport Vlaanderen
2005
1 Alexei Markov (Rus) Milaneza-Maia
2 Bernhard Eisel (Aut) Francaise Des Jeux
3 Hans Dekkers (Ned) Rabobank
2004
1 Martin Garrido (Arg) Barbot-Gaia
2 Stuart O’Grady (Aus) Cofidis
3 Candido Barbosa (Por) L.A. Pecol
2003
1 Candido Barbosa (Por) L.A. Pecol
2 Jacek Morajko (Por) Antarte- Rota Moveis
3 Angel Edo (Spa) Milaneza-MSS