Jesús del Nero troca Loulé pela alemã NetApp

O espanhol Jesús del Nero, que vestiu a camisola do CC Loulé-Louletano-Orbitur-Aquashow a partir de Julho, deixa a equipa portuguesa, sendo um dos três reforços anunciados pela alemã Team NetApp. A formação Continental germânica candidatou-se a uma vaga no escalão Continental Profissional e está a construir um plantel de 18 unidades para enfrentar a época de 2011.

Os reforços anunciados, além de del Nero, são o polaco Bartosz Huzarski (ISD) e o alemão Robert Retschke (Differdange). Do actual plantel da NetApp está confirmada a continuidade de Eric Baumann, Andreas Schillinger, Alexander Gottfried, Jan Barta, Michael Schwarzmann, Andreas Dietziker e Daniel Schorn.

Antes do ingresso na formação louletana, Jesús del Nero estava afastado do profissionalismo, depois de não ter renovado contrato com a Fuji-Servetto, que representou em 2009 e que, neste ano, passou a designar-se Footon-Servetto. O corredor espanhol é profissional desde 2005, quando vestiu a camisola da Orbea e conquistou o único triunfo da carreira, na Volta a França do Futuro. Depois da equipa basca, del Nero representou a 3 Molinos Resort, em 2006, e, desde então, vestiu as cores das diferentes incarnações da estrutura dirigida por Matxin Fernández.

Além do triunfo na sexta etapa da Volta a França do Futuro de 2005, os resultados mais relevantes de Jesús del Nero foram o segundo lugar na geral do GP CTT, em 2006, e, no mesmo ano, o terceiro posto na Bicicleta Basca. No ano seguinte, o ciclista espanhol foi segundo no GP de Llodio e décimo primeiro no Tour de Flandres. Em 2010, del Nero esteve na discussão dos postos cimeiros nos prólogos da Volta a Madrid e do Troféu Joaquim Agostinho, mas não conseguiu qualquer vitória.

Jesús del Nero é o segundo ciclista do CC Loulé-Louletano que é dado como certo noutra equipa em 2011, depois de o sítio Biciciclismo ter noticiado a aproximação entre Constantino Zaballa e a Caja Rural. A equipa portuguesa ainda não garantiu a continuidade, mas continua a negociar com patrocinadores que permitam a manutenção do projecto profissional.

Foto: Vlaam

12 thoughts on “Jesús del Nero troca Loulé pela alemã NetApp”

  1. Hugo Sancho sem qualidade suficiente para ser profissional, este ano correu quase todo o ano que fez? Nada! Volta a Portugal? Nada! O homem tem 28 anos, se não mostrou não vai ser agora que vai começar a ser bom ciclista

  2. Felicidades Del Nero na tua nova equipa, deixa falar o que quizerem foste um excelente profissional.

  3. Oh joel tu deves perceber e de culinaria, agora dizeres que o hugo Sancho nao tem lugar para ser ciclista profissional, ja te digo devias era ir trabalhar para o campo, pois deves perceber bem mais de agricultura.
    Apesar da idade e dos corredores mais combativos do peotão, certamente que encaixaria em QUALQUER equipa portuguesa, pois e um trabalhador nato e não tem medo de por a cara ao vento em prol da equipa, para nao falar que e um ciclista que sobe muito bem.
    pode ser que tenhas ficado a perceber mais um pouco deste ciclista, se quiseres saber de mais algum diz, ainda te dou umas dicas.

  4. JOEL….se o Hugo Sancho,não tem lugar…mt poucos terão então….
    o grande erro foi ter assinado pelo Benfica….foi QUEIMADO a “torto e a direito” pelo Orlando Rodrigues!!!

  5. menos um, pelo que fez que foi zero, não faz falta no nosso pelotão, que venham as vagas para os portugueses que bem merecem.

  6. Concordo plenamente com o comentário anterior. Acrescentaria ainda o Fábio Ferreira

  7. mais um Espanhol a ir embora,pelo menos já não ocupa um lugar em alguma equipa Portuguesa….não deixa saudades!!!!

  8. uma boa oportunidade de as equipas portuguesas irem buscar jovens atletas portugueses ou até homens como hugo sancho e micael isidoro que tao em equipas de sub 23 e tem boas capacidades para tar em elites.
    abraços..
    esta é a minha opiniao

Os comentários estão fechados.