Vacansoleil renuncia ao futebol para apostar no ciclismo

A nova equipa ciclista  holandesa Vacansoleil, apresentada hoje à imprensa, parte com a ambição de ser uma das melhores formações da categoria Continental Profissional graças a um grupo de 22 corredores no qual se evidencia a esperança francesa Clemente Lhotellerie. Nascida sobre as cinzas da P3-Batavus, a Vacansoleil terá por sua conta um orçamento anual próximo de 4 milhões de euros nas próximas três temporadas. Antigos sponsors da Skil-Shimano na última época, os líderes de Vacansoleil decidiram montar a sua própria equipa ” para uma maior visibilidade”. ” Renunciamos aos nossos diferentes patrocínios no futebol para agrupar os nossos meios e  construir este projecto que nos dará outra envergadura a nível international” , explicou à AFP Karin Beks, responsável comercial desta sociedade que “desenvolva ‘campings’ de luxo numa quinzena de países na Europa”.

Com Rabobank (ProTour) e Skil (Continental Profissional), os Países Baixos contam doravante com três equipas profissionais. A Vacansoleil ambiciona de participar numa grande volta a partir deste ano (a Volta a Espanha, que parte da Holanda, no final de Agosto é a melhor hipótese) e designou para líder o jovem (22 anos) francês Clemente L’hotellerie, vencedor da classificação da montanha do Paris-Nice em 2008. No seu efectivo, a Vacansoleil conta com ciclistas para diferentes terrenos como o australiano Baden Cooke, o esloveno Borut Bozic (sprinters), o belga Bjorn Leukemans  ou o italiano Matteo Carrara.

Fonte: AFP