Theo Bos bate Mark Cavendish em Almería

Primeira vitória do ano para Bos na derrota de Cavendish

O holandês Theo Bos (Cervélo Test Team) venceu hoje a 25ª edição da Clássica de Almería. O velocista que já brilhou na pista, impôs-se ao sprint ao britânico Mark Cavendish (Team HTC-Columbia) e ao australiano Graeme Brown (Rabobank), segundo e terceiro, respectivamente.

João Correia, companheiro de equipa do vencedor, foi o único português em prova. O corredor da Cervélo terminou a competição no 83º lugar, a 8m34s do primeiro classificado.

A Caja Rural, equipa continental espanhola onde alinha Vítor Rodrigues e que tinha inicialmente previsto a presença em prova, acabou preterida pela organização.

12 thoughts on “Theo Bos bate Mark Cavendish em Almería”

  1. Mas estamos a pôr em causa as capacidades do Cavendish? Lol
    Basta olhar para o palmarés larguissimo como os metros que costuma dar para o segundo classificado.
    Mas realmente estou como diz o taleão; o que é uma chegada aos campos elisios com os melhores sprinters da actualidade comparado com a prova de abertura em Faro? É mais que evidente que quem ganha em Faro pode muito bem ser o próximo fenómeno.
    Para o ano teremos o Filipe Cardoso a ganhar ao Cavendish. Até pk a chegada a loulé é bem mais dura.
    Ha gente com a memoria tão curta que até aleija.

  2. Bos é um ciclista que para sprintar não precisa de ajuda. Está no lugar certo e sprinta. Já Cavendish precisa da equipa para o colocar no lugar, certo. E não estando a equipa com os melhores lançadores não consegue estar tão à vontade nos ultimos 100 metros, logo perde.

  3. Melhor sprinter ou não , é bom ver outros ciclistas em bom plano . Parabéns ao Theo !

  4. Por acaso, lembram-se que este artista ganhou a Prova da Abertura de 2009, em Faro? Era a sua 1ª corrida de estrada..

  5. espero bem que o Theo Bos comece a levar tareia como gente grande pelo que fez na volta a turquia

    O Cavendish ainda agora começou a treinar e a competir, dêem tempo ao tempo

  6. Grande troço theo bos, sevêm que acho que este ciclista daqui a 1 ano vai ser uma máquina a sprintar, CAV, abituate

Os comentários estão fechados.