Vincenzo Nibali mais perto de conquistar San Luis

O espanhol Luis Maté (Androni Giocattoli-Diquigiovanni) venceu a sexta etapa do Tour de San Luis, batendo ao sprint o colega de equipa José Serpa e o líder da prova, Vincenzo Nibali (Liquigas-Doimo). Considerada a etapa-rainha da prova argentina, a ligação de 150 quilómetros entre Quines e o Mirador del Sol (montanha de primeira categoria) não foi capaz de retirar Nibali do primeiro posto. Apesar de mostrar superioridade colectiva, a formação italo-venezuelana não conseguiu mais do que somar mais uma tirada. Dificilmente os 167,1 quilómetros desta tarde, num circuito em San Luis, poderão modificar a tabela. No entanto, as diferenças ainda são escassas, pelo que a Liquigas-Doimo e o seu chefe-de-fila terão de manter-se atentos e activos.

Vincenzo Nibali terá de gerir as diferenças que conseguiu conquistar, mercê, sobretudo, do grande desempenho no contra-relógio. O colombiano José Serpa é o adversário mais próximo do comando, estando a 28 segundos do homem da Liquigas. O terceiro na geral é o espanhol Rafael Valls (Footon-Servetto), a grande surpresa da competição, que está a 1m19s do comando. Seguem-se Ignacio Pereyra (Selecção da Argentina), a 1m37s, e o veterano Santiago Botero (Selecção da Colômbia), a 2m15s.

Imagem: Edosof