Rabobank para fazer campeões do amanhã

Duas entradas e cinco saídas. Rabobank 2010 mantêm espinha dorsal
Duas entradas e cinco saídas. Rabobank 2010 mantêm espinha dorsal

A Rabobank surge no pelotão com poucas alterações no seu plantel e disposta a manter a raíz de todo o projecto que o banco holandês investe no ciclismo: colher os frutos da sua formação nas diferentes disciplinas. No ano em que surge a apostar em várias frentes – estrada, ciclocrosse, pista e btt – a sua equipa ProTour permanece como o barómetro do ciclismo no país.

“Quinze dos nossos 27 corredores foram aqui formados. E queremos ainda melhorar a qualidade da nossa formação nos anos vindouros”, assevera o director geral das actividades velocipédicas, Harold Knebel.
“Esperamos pelos novos Grandes Campeões”, resumiu Erik Breukink, o ex-profissional dos anos 80 e director-desportivo da formação hoje apresentada em Roterdão.

“Lars Boom, Robert Gesink, Pieter Weening e Tom Leezer são exemplos de uma formação conseguida” acrescentou Breukink. Curiosamente, o chefe-de-fila da Rabobank é estrangeiro.

No mesmo dia em que o espanhol Pedro Horrillo reconheceu o fim da sua carreira, o russo Denis Menchov trocou a participação na Volta a Itália – prova que ganhou em 2009 – pela preparação em altitude para o Tour, com início a 3 de Julho, em Roterdão.

A Rabobank 2010 acusou a saída de Bram de Groot, Marc de Maar, Mathew Hayman, Juan Antonio Flecha e Pedro Horrillo tendo contratado os jovens Dennis van Winden e Steven Kruijswijk, ambos com procedência da equipa Continental da Rabobank.

Rabobank
Site oficial: http://www.rabosport.nl/
Plantel:Graeme Brown (Aus), Oscar Freire , Juan Manuel Garate (Esp), Grischa Niermann, Paul Martens (Ale), Nick Nuyens (Bel), Denis Menchov, Kozontchuk Dmitri (Rus), Lars Boom, Robert Gesink, Steven Kruijswijk, Sebastian Langeveld, Tom Leezer, Stef Clement, Rick Flange, Koos Moerenhout, Bauke Mollema, Joost Posthuma, Kai Reus, Tom Stamsnijder, Bram Tankink, Laurens ten Dam, Maarten Tjallingii, Jos van Emden, Dennis van Winden, Pieter Weening (Hol).

One thought on “Rabobank para fazer campeões do amanhã”

Os comentários estão fechados.