Arquivo da categoria: A NOSSA VOLTA

Rafael Reis primeiro amarela

Dir-se-ia que foi mesmo um prólogo, uma espécie de prefácio muito curto de uma obra literária. Na verdade, os 1800 metros do delimitado percurso , apesar de curto, tinham perigos, talvez bem mais numerosos, que o prólogo do ano transato em Lisboa, com perto de sete kms.

Duas curvas perigosas, uma delas a meio da … Ler mais