Arquivo da categoria: Uncategorized

Internacional

O italiano Matteo Bono (Lampre) venceu a 5ª etapa do Eneco Tour, com o norueguês Edvald Boasson Hagen a conservar a camisola amarela com os mesmos 12 segundos de vantagem sobre Philippe Gilbert.

A prova termina amanhã, pelas estradas da clássica Amstel Gold Race, não sendo de descurar a possibilidade de Gilbert poder atacar forte, … Ler mais

Internacional

O norueguês Edvald Boasson Hagen (Sky) é o novo guia do Eneco Tour, ao vencer o C/RI da prova, pautado pelas condições climatéricas, que obrigaram os últimos ciclistas a percorrer o percurso numa estrada molhada e perigosa.

Apesar de tudo, o ciclista da Sky alcançou o triunfo e a liderança, agora com 12 segundos de … Ler mais

Volta : Ordem de partida C/RI

Ordem de partida do C/RI:

15:00:00 66 Otavio BULGARELLI Farnese Vini/Neri
15:01:00 57 Balint SZEGHALMI Lampre/ISD
15:02:00 61 Andrea GUARDINI Farnese Vini/Neri
15:03:00 39 Alberto MORRAS ONDA/Boavista
15:04:00 106 Justin JULES Velo Club la Pomme Marseille
15:05:00 37 Jon PARDO ONDA/Boavista
15:06:00 83 Julien SANCHEZ Caja Rural
15:07:00 107 Toms SKUJINS Velo Club la Pomme … Ler mais

Internacional


Gilbert lidera Eneco Tour

Philippe Gilbert (Omega Pharma) impôs-se em solitário no Eneco Tour, destronando da liderança o americano Taylor Phinney . Gilbert atacou a sete kms para o final da 3ª etapa da prova, nuna mais sendo alcançado. No segundo lugar está agora Edvald Boasson Hagen, a 10 segundos, enquanto David Millar em terceiro … Ler mais

Internacional

Greipel novo triunfo

André Greipel (Omega Pharma),venceu a segunda etapa do Eneco Tour , em Ardooie (Bélgica)), vencendo ao sprint Tyler Farrar e Edvald Boasson Hagen. Sexton a etapa,, Taylor Phinney (BMC), conserva a camisola amarela.

Casper vence etapa no Tour de l’ Ain

Jimmy Casper (Saur Sojasun), que acaba de assinar pela AG2R para … Ler mais

Ciclistas portugueses para a reforma aos 28 anos

A participação das equipas portuguesas numa prova como a Volta a Portugal catalogada como 2.1, será sempre em condições de menoridade em relação às equipas estrangeiras, porquanto nestas não existem quotas limitativas respeitante aos limites de idade dos seus ciclistas.

Na verdade as equipas as portuguesas são obrigadas a respeitarem uma regulamentação para as equipas … Ler mais