“Dopei-me por resultados, para ser profissional e ter dinheiro”

O caso ocorreu por ocasião da Volta a França do Futuro e tornou-se público com a detenção de três jovens ucranianos directamente ligados a uma operação que resultou da apreensão de substâncias dopantes – “uma pequena farmácia” -, perto da fronteira suíça. Na lista de produtos dopantes, Actovegin, Eritropoetina (EPO), Somatropina (Hormona de Crescimento) foram algumas das substâncias apreendidas na posse de um massagista e de um pai de um ciclista em prova na Volta a França do Futuro.
Os ciclistas, todos nascidos em 1987, reconheceram práticas dopantes. O diário francês Le Monde chegou mesmo à fala com um dos ucranianos, residente em Espanha.
O corredor não identificado, que confirma ter comprado Actovegin a um farmacêutico na Ucrânia, explica que devia servir-se das seringas para utilizar com a Hormona de Crescimento, injectando-se no quarto de hotel. “Servia para favorecer a recuperação. Comprava os produtos por aquilo que ouvia e com o dinheiro dos meus pais”, confessa.
“Dopava-me porque queria obter os melhores resultados e integrar uma equipa profissional e ganhar dinheiro”, acrescenta, afirmando ter começado a dopar-se no ano anterior, com “somatropina, GMH e EPO Recombinante”. “Sabia que não dava positivo a EPO se tomasse dez dias antes da prova.”, acrescenta.

18 comentários a ““Dopei-me por resultados, para ser profissional e ter dinheiro””

  1. Enfim esse rui só da parabens ao Helder OLiveira para ele é o unico que nao toma. mil desculpas ao lider que m nao tem culpa de ter pessoas proximas assim

  2. sao todos uns cromos digam se souberem quantos ciclistas faleceram com estes casos. ao contrario dos futebolista que nao toman nada……….. andam cair como tortos»»»»»

  3. Eu dou 3 ou 4 exemplos e tu pegas sp naquele que apresenta menos credibilidade.
    Eu penso que basta a expulsão do ciclismo para sempre. Mas existem casos e casos, podes ter um controlo positivo por uma substancia que não te faça ter melhor rendimento. Por exemplo um xarope da tosse (Isto é um dos muitos exemplos) que estejas a tomar para uma constipação e seres surpreendido por um controlo em casa, não deve valer castigo, mas infelizmente vale e passas a ser rotulado como um dopado. Tb n ha justiça. No caso da liberty, acho bem que sejam os 3 banidos para sempre, mas acho que os outros deveriam prosseguir a carreira na mesma equipa.
    Não me canso de ir buscar exemplos ao futebol, mas imagine-mos que acusavam 3, 4 ou 5 jogadores de um dos 3 grandes. Voces acham que a equipa acabava? Claro que não. Mas os jogadores seriam castigados e com eles deveriam ser castigados os medicos e enfermeiros, etc ligados a esses jogadores.
    Isto é que eu penso que seria justo para todos.

  4. Enfim , quem é que vai indemnizar os organizadores , patrocinadores e todas as pessoas que trabalhavam na Liberty pelos prejuizos provocados pelo caso de doping do Nuno e companhia ?
    Porquê é que há menos cobertura do ciclismo e com isso a afastar o investimento na modalidade com tudo de negativo que dai advém ?
    Se para ti não afecta que depois de todo o imediatismo em volta da volta e do seu vencedor , passados poucas semanas ficar a saber que afinal aquilo não passou de uma vigarice , e com isso afastou o maior investidor no ciclismo, então prefiro ser cromo a pessoa sem um minimo de responsabilidade social e com falta de caracter.
    E não venhas com desculpas que se dopa por pressão do papá , no ciclismo como em tudo na vida nada se consegue sem trabalho , só que nos tempos que corre há muita gente que só pensa neles e não olham a meios e tentam dar nas vistas da maneira mais facil.
    O ciclismo chegou a um ponto que não se pode dar ao luxo de mais escandalos , de pseudo campeões que não passam de drogados e vigaristas.
    Prisão com os dopados e expulsão de todo e q/q actividade ligado ao ciclismo por tempo vitalicio.

  5. O jogador do Progresso de Sambizanga, Neridson Estevão, de 26 anos, morreu durante o jogo da 2ª Divisão de Angola, contra o Benfica de Cabinda, no passado domingo. Neridson desmaiou em campo, aos 20 minutos, e não recuperou. O Hospital de Cacongo confirmou a morte do jogador angolano.
    Toma lá mais um ó rui.

  6. Sr Luis, o principal factor pela fraca adesão ao ciclismo que se tem verificado nos ultimos 5 anos deve-se unica e exclusivamente ao afastamento do JN, e á menor cobertura mediatica que se dá as provas de ciclismo. Claro que todos querem ser Cristianos Ronaldos, é que lhes impingem pela televisão. É so futebol, dia e noite. Quando comecei a correr vi-a á vontade 10 grandes premios em directo na tv e sonhava em estar ali, n era apenas a volta a portugal que me chamava a atenção. É isso que move as pessoas, serem reconhecidos. Ngm quer praticar um desporto onde se sofre imenso para no final nem um jornal lhes vir fazer uma entrevista e quando vem é o jornal lá da rua.
    É isto que ninguem entende e enquanto não se associar uma grande marca de comunicação social ao ciclismo de novo, esta crise de praticantes vai-se manter.

  7. Sim A.C eu sei que não era para mim. O que disse foi em tom de brincadeira porque temos aqui alguns cromos que deliram com certas coisas. Pedem cadeia para os ciclistas, etc. Deviam era de se preocupar com a vida deles. Os ciclistas são donos do seu proprio corpo, se querem entrar por esses caminhos o problema é deles. Ja se sabe que um dia mais tarde tudo se paga. O que ninguem compreende é que os ciclistas entram por esse mundo por pressões externas, começam por ser os mais velhos a dizer para tomar senao n anda e o treinador manda-o embora no final de epoca. São treinadores a pressionar para os ciclistas andarem, por vezes até mesmo em casa os pais indirectamente que gozam os filhos e dizem-lhes para abandonar porque não andam no ciclismo a fazer nada. O que acontece depois é que ninguem gosta de deixar as coisas a meio e começa a fazer como os outros. Assim se cria um ciclo vicioso. Isto é coisa que alguem que esteve ligado a modalidade percebe e que outros que apenas sabem é chapar massa (Não é o seu caso) vêm para aqui com lições de moral. Nós não criticamos o trabalho dos outros. N entendo o que este rui quer por exemplo. Não da os parabens a ninguem por uma vitória, passa os dias á procura de escandalos. Ele devia era de começar a fazer o trabalho dele e comer a pescadinha dele.

  8. Enfim do que falas-te do futebol é exacto , mas esqueceste de referir dos arbitros e jogadores e mesmo equipas comprados , mas isso é problema do futebol e dos seus adeptos , e não vem para aqui chamado.
    Qto criticares a Liberty de terminar o patrocinio por doping de alguns dos ciclistas da equipa , desde do inicio que os directores e seus atletas sabiam que q/q controle positivo , iria provocar a extinção da equipa , portanto os unicos culpados da situação que é muito mais grave que apenas terminar uma equipa é dos atletas em causa.
    Alias a politica da Liberty não é unica , a Shimano já comunicou que o mesmo vai fazer a todas as equipas que patrocine , eu concordo plenamente só assim é que se responsabliza os directores e todos os outros intervenientes na equipa, ou achas que mais ninguem sabia da situação dentro da equipa

  9. Caro Enfim…

    A minha resposta não se dirige a sí, mas sim aos jovens corredores, o assunto da notícia. Quando eu escrevi, ainda a sua resposta não aparecia. Peço desculpa pelo mal entendido.

    Quero dizer que quem novo se mete neste mundo rapidamente fica “velho”. Estas substâncias são muito más. Eles lá sabem

  10. Eu ,ao contrário do senhor não gosto de ver telenovelas. Ir para a serra da estrela para ver uma telenovela Não. Acabar uma corrida e eu não acreditar repetidamente no vencedor e ele posteriormente acusar positivo Não. Eu disse que queria que o ciclismo morresse . Foi sem dúvida a demonstração da minha angústia pelo actual estado do ciclismo levada ao limite.

    Mas , aconselhovos a irem ver quantos ciclistas correm hoje em cadetes, quantos ciclistas correm hoje em juniores e tirem daí as ilações.
    Eu não conheço ninguém que queira ser ciclista (falando de jovens obviamente). O que chama os jovens a esta modalidade em que os seus ídolos são constantemente manchados ? Digam-me?
    NADA

    Posso ter sido duro demais nas palavras, mas , mais tarde ou mais cedo …

    PS: Juca, importa-se de escrever pelo menos o seu primeiro e ultimo nome?

  11. Pois é… E é nessas alturas que vamos todos atacar nas mulheres deles. Eu bem digo mas ngm me percebe, so msm tu A.C.
    Deixa arder

  12. Coitados!!!
    Quando tiverem 30 anos vão estar com cabelos brancos e já nem o Viagra os consegue levar às gajas.
    A Natureza também faz justiça.

  13. o luis….e mais facil tu te matares… do que acabares com o ciclismo onde nem todos sao iguai

  14. Quero que me saia o euromilhões sexta. Ah, esperem isto n são os 3 desejos do aladino? Opa descansa a cabeça. Quero que os futebolistas drogados acabem hoje. Quero que me expliquem mortes do feher, puerta, foe e mts outros anonimos que todas as semanas caem em campo. Alguem que me explique como podem acontecer? Causas naturais? N acredito tambem. Antes de um jogo dos vossos queridos SLB, FCP ou SCP entrem no balneario e depois digam-me quem toma mais. A diferença é que os ciclistas ainda sabem o que estão a tomar mas os futebolistas é: toma e não faz perguntas. Esse rui que anda ai que sabe os nomes das bolsas de sangue do valverde e outras informações a que poucos têm acesso, provavelmente sabe que isto é verdade. Sabe que os jogadores são avisados quando têm controlo anti-doping, sabe que muitas das vezes nem são eles que fazem os testes, etc… Eu sei é que o ciclismo só é primeira pagina quando ha um caso triste como o da liberty.
    Discordo com a politica desta empresa, se acusou o Nuno, Guerra e Nozal, esses deveriam ser expulsos da equipa e da modalidade e os outros que não têm culpa deveriam ter os seus empregos que com muito sacrificio lutam para manter. Assim n ha justiça. Paga o justo pelo injusto, é isto que pra voces é justiça desportiva? Se isto é justiça para vocês, ja vos digo que valem pouco como homens.

  15. Prisão com os dopados e expulsão de todo e q/q actividade ligado ao ciclismo por tempo vitalicio.

Os comentários estão fechados.