UCI confirma os três positivos na Liberty

A União Ciclista Internacional (UCI) confirmou, em comunicado, a suspensão provisoria de Nuno Ribeiro, Héctor Guerra e Isidro Nozal por ter sido detectada EPO CERA na análise ao sangue dos corredores, colhido no dia 3 de Agosto, dois dias antes do começo da Volta a Portugal. A UCI informa que os ciclistas foram notificados no início desta semana.

De acordo com a entidade que gere o ciclismo a nível mundial, as análises foram efectuadas pelos laboratórios de Lausana e de Paris. A UCI notificou as federações portuguesa e espanhola para retirarem Ribeiro e Guerra das respectivas listas de inscritos para os Campeonatos Mundiais, que se disputam na Suíça, na próxima semana.

“Os três corredores estão inscritos na equipa continental Liberty Seguros. Os testes foram efectuados pela Agência Antidopagem Portuguesa, sob a orientação da UCI, baseando-se em informações recebidas sobre as actividades dos ciclistas”, lê-se no comunicado da UCI.

Em respeito pelo Código Mundial Antidopagem e pelos regulamentos da UCI nesta matéria, a estrutura sediada na Suíça declara não poder acrescentar mais informações neste momento, sublinhando que os ciclistas têm o direito de pedir a contra-análise.

2 comentários a “UCI confirma os três positivos na Liberty”

Os comentários estão fechados.