Domínio absoluto da Aluvia/Valongo: etapa para Baltazar, Volta para Cunha

Festival Aluvia no "prémio" a Carlos Baltazar em Oliveira do Bairro
Festival Aluvia no "prémio" a Carlos Baltazar em Oliveira do Bairro

A Volta a Portugal do Futuro terminou hoje com mais uma demonstração de força da Aluvia/Valongo. Carlos Baltazar venceu a derradeira etapa e o seu companheiro de equipa Marco Cunha, segundo na ligação de 128,7 quilómetros entre Arouca e Oliveira do Bairro, sagrou-se vencedor da competição. Numa chegada em pelotão compacto, os comandados de José Barros não tiveram dificuldades em bater a concorrência. O trepador da equipa, Carlos Baltazar, ainda se deu ao luxo de antecipar-se ao sprinter e camisola amarela, Marco Cunha. A Aluvia/Valongo controlou a etapa, contando com a ajuda do Tavira/Palmeiras Resort, que não tinha qualquer elemento na fuga do dia e ajudou a anulá-la.

Oliveira do Bairro – Marco Cunha festejou no pódio o sucesso colectivo da Aluvia-Valongo numa hegomonia que, findos os seis dias de competição se traduziu na conquista de quatro etapas, os três primeiros lugares da geral individual, a vitória na classificação por equipas e ainda o sucesso na classificação por pontos. Todos os encómios são merecidos pela mais forte equipa do pelotão sub-23 que soube atacar e defender nos momentos certos bastando-se a sí própria para uma festa do pódio que apenas teve os algarvios Amaro Antunes (Crédito Agrícola) e João M.Pereira (Tavira-Palmeiras Resort) como “forasteiros”, respectivamente com o prémio de melhor trepador e vencedor final da classificação da juventude.

A última etapa desde Arouca e até Oliveira do Bairro, por constituir a última oportunidade de brilho para formações sem resultados – SM Feira, Mortágua-DR Seguros ou Bretescar-Sporting, por exemplo – foi atacada desde o começo visando uma das raras classificações em aberto, a montanha. Se Joni Brandão ameaçou directamente o reinado de Amaro Antunes – Fernando Carvalho e Bruno Silva com mais pontos não se intrometeram – o contra-ataque do algarvio sucedeu-se na última ascensão do dia, amealhando pontos que lhe garantiriam o justo prémio de melhor trepador, depois de no dia anterior ter conquistado, tal escalador à moda antiga, o alto de São Macário.

O ataque de Amaro deu origem à fuga do dia que, em sete corredores, juntou três elementos da SM Feira. João Costa, Jony Brandão e Marco Coelho uniram esforços com os espanhóis Jose Vega – o mais bem classificado na geral – e Jordi Simo e ainda Guilherme Lourenço (Mortágua). O golpe foi dado mas com pouca profundidade. Com uma vantagem máxima pouco superior a um minuto e o comando do pelotão entregue ao Tavira e à Aluvia, a fuga acabou anulada à passagem por Sangalhos, ainda antes da meta-volante que poderia comprometer o lugar no pódio de Carlos Baltazar.

Com a corrida sob comando, os ataques nas três voltas do circuito – o percurso passava diante do novo velodrómo já praticamente concluído – não inverteram a situação de corrida, apesar das intenções dos “manos” Gonçalves, os mais activos nos últimos quilómetros. Com a entrada em pelotão compacto nos últimos 1000 metros, Baltazar arrancou para a quarta vitória de Marco Cunha, num desfecho que se alterou ao último momento. Não foi Cunha, já vencedor em Condeixa-a-Nova, Águeda e Arouca, mas sim o seu “lançador”, que ainda graças à vitória conseguiu chegar ao segundo lugar de Bruno Silva.

De registar a eliminação posterior de 15 ciclistas que cortaram o risco com 40 minutos de atraso, facto imputado às três dificuldades montanhosas do dia – Chão Ave, Decide e Talhadas – e ao desgaste acumulado.

Se o sucesso da prova nos novos moldes competitivos previa um maior interesse desportivo, fruto da exclusividade a atletas sub-23 não é certo que tal tenha ocorrido. Primeiro pelo percurso, que contemplava três dias sem grandes dificuldades seguidos por uma ligação com grau máximo de dureza numa das raras oportunidades que corredores deste escalão encontram durante toda a época. A última etapa, depois de ultrapassadas as montanhas na primeira metade da corrida, já não contemplava pontos de decisão. Depois pela hegemonia da Aluvia-Valongo – a oposição foi forte, tal como a irreverência colectiva da maior parte dos blocos, mas a resposta foi suprema.

CLASSIFICAÇÃO
5ª etapa: Arouca – Oliveira do Bairro, 128.7 km
Média de 40.296 km/h
1º Carlos Baltazar (Aluvia-Valongo), 3h11m38s
2º Marco Cunha (Aluvia-Valongo), mt
3º Ivo Fernandes (Bretescar-Sporting), mt
4º Marco Coelho (SM Feira/E. Leclerc/Moreira Congelados), mt
5º Bruno Silva (Aluvia-Valongo), mt
6º António Carvalho (CC Lugo/Artesanía de Galiza), mt
7º Jordi Simon (Andorra), mt
8º Eric Pedrosa (Lizarte), mt
9º Carlos Bruquetas (Sel. Galiza), mt
10º Flávio Gomes (Bretescar-Sporting), mt

Geral individual
1º Marco Cunha (Aluvia-Valongo), 17h51m20s
2º Carlos Baltazar (Aluvia-Valongo), a 27s
3º Bruno Silva (Aluvia-Valongo), a 37s
4º Jose Vega (Lizarte), a 42s
5º João M.Pereira (Tavira-Palmeiras Resort), a 48
6º David De la Cruz (Andorra), a 51s
5º João Costa (SM Feira-E.Leclerc-Moreira Congelados), a 52s
8º Fernando Carvalho (CC Lugo-Artesania Galicia), a 58s
9º Amaro Antunes (Crédito Agrícola), a 1m17s
10º José Gonçalves (SM Feira-E.Leclerc-Moreira Congelados), a 3m20s
11º Joni Brandão (SM Feira-E.Leclerc-Moreira Congelados), 3m21s
12º Domingos Gonçalves (SM Feira-E.Leclerc-Moreira Congelados), a 3m23s
13º João Pereira (Tavira-Palmeiras Resort), a 3m34s
14º João Rosa (Gessical), a 3m49s
15º Jordi Simon (Andorra), a 4m43s
16º Flávio Gomes (Bretescar-Sporting), a 4m51s
17º Sandro Pinto (Mortágua-DR Seguros), a 5m08s
18º Guilherme Lourenço (Mortágua-DR Seguros), a 5m10s
19º Antonio Carvalho (CC Lugo-Artesania Galicia), a 5m42ss
20º Marco Coelho (SM Feira-E.Leclerc-Moreira Congelados), a 5m50s
21º Nélson Oliveira (CC Lugo-Artesania Galicia), a 6m05s
22º Dmitry Kholod (CC Spol-Caixa Nova), 6m58s
23º Fábio Palma (Crédito Agrícola), a 11m29s
24º Diogo Nunes (Tavira-Palmeiras Resort), a 11m33s
25º Ivo Fernandes (Bretescar-Sporting), a 11m33s

Geral equipas
1ª Aluvia – Valongo, 53h36m10s
2ª SM Feira-E.Leclerc-Moreira Congelados, a 5m29s
3ª CC Lugo-Artesania Galicia, a 10m28s

Geral pontos
1º Marco Cunha (Aluvia-Valongo), 120 pontos
2º Carlos Baltazar (Aluvia-Valongo), 43
3º Bruno Silva (Aluvia-Valongo), 43

Geral montanha
1º Amaro Antunes (Crédito Agrícola), 19 pontos
2º Joni Brandão (SM Feira-E.Leclerc-Moreira Congelados), 16
3º Bruno Silva (Aluvia-Valongo), 13

Geral juventude
1º João M.Pereira (Tavira-Palmeiras Resort)
2º David De La Cruz (Andorra)
3º Amaro Antunes (Crédito Agrícola)

58 thoughts on “Domínio absoluto da Aluvia/Valongo: etapa para Baltazar, Volta para Cunha”

  1. E algém tem dúvidas que a federação pactua com estas ilegalidades?! Por exemplo….O josé rodrigues quando veio para casa do mundial, estava a correr por quem? os treinadores da federação nao sabiam de nada???!!! AAHHHH

  2. Espero que para bem da modalidade e da categoria a que nos estamos a referir, aquilo que aconteceu o ano passado ao coloega de equipa do Marco Cunha não ocorra com este.
    Seria não só uma vergonha para o ciclista, equipa e treinador, como também para a Selecção (como ciclista de selecção que o vencedor deste ano da Volta ao Futuro é) e consequentemente para a nossa Federação. Tal iria contra tudo o que a nossa FPC diz defender e demonstraria o quanto compactua com estas “ilegalidades”!

    Assim resta desejar os Parabéns ao Marco Cunha com votos de que a sua vitória pertença APENAS ao esforço deste como ao da sua equipa!

  3. ainda existe quem queira comparar o Santa Maria da Feira ao Aluvia??

    que falta de respeito ao Santa Maria fazerem uma comparação dessas.

  4. Ainda anda aqui gente a meter nojo?? Façam bons comentários, só batem no mesmo.

  5. O Baltazar deve ter travado nas 2 metas volantes q o tavira ganhou e empurrou plo sao macario acima tbem! O tavira ajudou a controlar e a aluvia ajudou o tavira nx seus objectivos. Axo k nao ha nda de inrregular nisso.

  6. Que desiluçao tavira , ganhar assim uma camisola nao e ter merito. Se nao fosse o Aluvia. ai ai

  7. Juca queres nomes?

    Fernando Sousa
    Ivo Sousa
    André Cardoso
    Vítor Rodrigues
    Filipe Cardoso
    António Amorim
    João Cabreira
    André Vital
    Rui Costa
    Mário Costa
    Samuel Coelho
    João Benta
    Ricardo Vilela

    Não vou perder mais tempo

  8. Nunca corri na Feira nem na Casa Activa agora Aluvia. Mas mas conheço bem toda esta modalidade e categoria e ja que estao ai a falar de ciclistas e esquecem-se de Filipe Cardoso, Cabreira, Mario Costa, Victos Rodrigues, e o grande Rui Costa. Com tudo isto a melhor escola e formaçao vai claramente para a Feira( M.Correia)

  9. AO MENOS NA ALUVIA NAO HA NEM NUNCA HOUVE ORDENADOS EM ATRASO.E NAO TOU A FALAR DO SPORTING.TOU A FALAR DAS OUTRAS.

  10. chaguinhas se nao tivesse a sua mente suja nao pensava assim.aceite o k é obvio.aluvia é a equipa mais vencedora de 2009

  11. bruno saraiva tambem.bem parece que ja passaram mais do ze barros a pro k propriamente da feira.

  12. Jornalista da rtp N durante comentarios do tour ‘ – Marco cunha acaba de ganhar a 3º etapa consecutiva na volta a portugal do futuro na etapa rainha ( São Macario ).
    Ao qual temos esta resposta de Marco Chagas ‘ – Bommm, está em grande forma xD ‘

    Para bom entendedor meia palavra basta !

  13. COLEGAS APRESENTEM FACTOS… só lançam para o ar!! Há valentes no deitar a baixo, mas apresentar factos ninguém diz nada!! Sabem cm faz o ratinho, só xia… iiiiiiiiiihiiiiihiiiiiihiiiiiii

  14. caro atento,

    Independentemente de gostar desta modalidade ou nao os factos compravam a realidade que acima descrevi.

    será o cavendish o proximo vencedor do tour ?

  15. tavira achas que ganhaste a camisola da juventude com merito? ah ah ?se não fosse a aluvia não sei não nunca.obrigado ao Baltazar por ter travado.

  16. Penso k tb k o sr Luis Silva tem o melhor comentario, pois apresenta factos que comprovam a uma realidade bem distinta entre esta equipa e neste caso a de santa maria da feira, eu até englobaria mais umas 4 equipas neste lote de boas e verdadeiras equipas.
    Fico aguardar pelas grandes vitorias em elite destes aluviados (se é que la vai chegar algum).

  17. SR(nao muito) Luis Silva

    Lamento lhe informar que anda desactualizalo… se quer escrever sobre a aluvia informe-s primeiro e nao venha fazer comentarios que a nada acrestam ao bom ciclismo.
    segudo informaçoes suas: “Quantos ciclistas deste senhor passaram a profissionais ? Nelson Rocha e ? ”
    tem razao nelson rocha foi um deles, entao poderá acrescentar a sua lista: 1-David Vaz 2-Joao Benta(que por esta equipa tambem passou) 3-Gilberto Sampaio 4-Manuel Cardoso… nao sei se há mais mas pelo o menos estes a profissionais passaram acho que isto serve para mostrar que nao tem razao já agora para quem nao sabe o Marco Cunha é um ciclista muito experiente pois já foi ciclista profissional já tendo participado em duas voltas a portugal

  18. caro amigo nao vou alimentar especulacoes consigo porque acima de tudo gosto desta modalidade amigo. Veremos entao daqui a uns meses quem sera o vencedor desta volta…Para ver quem tem razao entao!

  19. Caro amigo nao pode comparar a volta a França do futuro c/a nossa volta ja viu o prefil das etapas 2009? ……….SERGIO– FAÇA OUTRA SELECÇAO.

  20. pensem bem a ver se encontram mais algum ciclista saido das maos do jose barros se nao descobrirem eu digo-vos

  21. caro amigo atento xD
    inveja nao e decerteza, a aluvia este ano nada fez, o marco cunha um ciclista que ganha etapa durante o ano todo e este ano teve nada mais nada menos que zero vitorias e nao fizeram nada a epoca toda.
    porque sera que estiveram em grande na volta?
    recorde-se que no ano passado a casactiva tambem andou muito veremos se este ano nao se verificara a mesma situaçao..decerteza que se andar assim marco cunha e seus colegas de equipa serao os reis da volta frança do futuro xD

  22. Quem realmente sabe o que é ciclismo, quem realmente já sofreu no ciclismo, quem realmente já treinou horas a fio para várias voltas a Portugal do Futuro e outras grandes voltas/ prémios, entende certas coisas que acontecem no ciclismo… É preciso ter mãos a medir em alguns atletas que andam a contornar a verdade desportiva… Temos ciclistas de grande valor que acabam por ser abafados por estes “falsos” campeões, onde depois no futuro andam um ano ou dois como profissioanis (os que passam claro, pois o ano passado não vi nenhum a passar de uma certa equipa que mto prometia) e abandonam a modalidade porque as coisas tornam-se bem diferentes, porque perder um ordenado de profssional, quando já existem obrigações/compromissos com entidades patronais como ter de pagar um empréstimo de uma casa, ou o que for já é mais complicado. é preciso ter noção do que anda aí. Estamos a falar de um desporto onde muito abdicaram de muitas coisas para chegar a um patamar que jamais se tornou alcançável por estas atitudes de alguns directores desportivos e atletas. No entanto o ciclismo é sem duvida das mais belas provas desportivas. cumps.

  23. Caro Justo, esta escrito. O ano passado escreveu-se Jose Martins vence volta a portugal.

    Mas depois PARECE que não gostaram dele e atribuiram-na a Joao Benta.

    Consigo encontrar analogias entre esta equipa e as últimas do SJVer. Ambas dominavam.
    Agora existe uma pequenina diferença. Edgar Pinto, Filipe Cardoso, Joâo Cabreira , Ricardo Vilela, André Cardoso, Rui Costa etc etc etc etc todos eles passaram a profissionais com méritos reconhecidos agora não percebo porque é que ninguém PEGA nos ciclistas do sr dr zé barros. Quantos ciclistas deste senhor passaram a profissionais ? Nelson Rocha e ?

    Este senhor devia ser irradiado do ciclismo.
    E tenho dito.

  24. Concordo plenamente com a politica instaurada no seio da equipa da aluvia e apenas tenho pena que n tenham todos a mesma mentalidade, pois certamente iria ganhar 6 vezes mais do que ganho agora. Lol

  25. Caros amigos a Aluvia-Valongo ganhou e ganhou bem, agora nao venham com conversas destas porque em nada dignifica a modalidade…

    Para relembrar aquando do inicio de epoca onde os homens da equipa do Mortagua estavam a andar muito e onde nunca se viu tanto comentario acerca desse assunto. Porque sera??Sera que esta tudo contra a Aluvia???Invenja??!!

    Estamos numa altura da epoca onde todos querem andar, todos querem estar bem preparados por isso acho que todo o que se passou na volta foi normal. Os homens da Aluvia-Valongo estavam num nivel acima como tambem ja aconteceu com outras equipas em outros momentos de epoca.

    Boas pedaladas

  26. Caros colegas para dor de muita gente, ganhou a melhor ekipa… está escrito. ponto final para o ano ha mais, se alguém sabe de alguma coisa que escreva aqui e não sejam cobardes! Ponham os pontos nos “i`s”. Pela conversa parece que sabem o k se passa, é pq nas vossas ekipas tb se passou o mm?

  27. Sr Sportinguista de ribatejo, se continuar cm este ano ,a não pagar, temos ekipa p muitos anos…

  28. Alguém sabe dizer se o projecto do Sporting se mantém na estrada para o próximo ano. Gostaria que algum dirigente do SCP, ou alguém bem informado dentro do assunto me esclarecesse. Eu sou fã de ciclismo e adoro ver o meu Clube nesta modalidade, mas as notícias por aqui lidas entristecem-me imenso.
    Caso este projecto não tenha pernas para andar apelo aos órgãos sociais do Sporting para reactivarem a modalidade a sério nosso Clube, fazer lembrar os grandes Joaquim Agostinho, Marco Chagas, Alfredo Trindade, etc…

  29. eu se fosse ao poeira nem levava ciclistas de outras ekipas…

    levava os 3lideres e mais os outros trabalhadores da aluvia, assim ja tao habituados, ja k andam juntos o ano todo, assim nao havia um a puxar pra um lado, outro a puxar pro outro, assim faziam o k fizeram na volta ao futuro…

    e mais cumulo dos cumulos era de em vez de ir o poeira, mandarem o ze barros, já k esses ciclistas so andam com ele a treinador!!!

    LooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooL

    fizeram da volta a portugal do futuro uma autentica palhaçada, andavam como keriam e bem lhes apetecia, so adormeceram na 1ºetapa senao ganhavam as etapas todas, nao tem jeito nenhum, andaram a gozar com o resto das ekipas e ciclistas…

  30. pois isso é a tua opinião espera para ver e depois falamos eu não me costumo enganar e á aqui nomes que o Poeira não pode lá meter que o Presidente não deixa

  31. nao te eskexas do guilherme, sandro pinto, vasco pereira, joão correia e ivo que tambem tavam a ……TOPPPPPP

  32. Próxima Selecção da Volta a França do Futuro , Marco Cunha , Carlos Baltazar , Bruno Silva , João M. Pereira , Amaro Antunes , Ricardo Vilela , José Gonçalves , Marco Coelho , Nelson Oliveira e António Carvalho destes saem alguns porque não podem ir todos tomen nota porque o Poeira quer é resultados não entressa como por isso é que não houve mais controles

  33. Então os homens com 7 ciclistas em fuga põem-se a atacar aos pares e uns aos outros, depois partiram todos o motor. Pedro Silva és grande 😀

  34. Eles deram tudo, a vantagem até aumentou para 02:30, mas o aluvio estava a brincar com aquilo lol

  35. No dia de sao macario iam 7 mortaguas na fuga mais 4 feiras e mesmo assim nao pegaram na corrida.ohhhh que inteligencia.Facilitaram tanto a corrida a aluvia.Nesse dia a aluvia tinha a volta perdida.

  36. SR.GI VOCE DEVE SER UM SABIXAO DE 5 ESTRELAS !……………….CONHECE AS PESSOAS?

  37. Luis a maior parte do pessoal k que aqui escreve não percebe patavina de ciclismo…por isso não lhes ligues

  38. O TAVIRA não ajudou ninguém. Apenas fez o que fez pelos seus próprios interesses, e como se viu conseguiram o objectivo que era a camisola da juventude. Quem não percebe mais vale estar calado…

  39. uma volta onde os vencedores foram claro tb os atletas mas os laboratórios sairam se muito bem nesta volta foi uma prova onde estavam os dois bem lado a lado homem e ………….. mas com estas condições assim, onde até na ultima etapa numa prova desta envergadura nem controlo anti doping houve tudo é possivel é assim que querem que o ciclismo ande para a frente? vamos ver se o tavira não se vai arrepender de ter colaborado tanto para o suçesso da aluvia!!!!!!!!!! mas estão de parabens os homens da aluvia não haja duvida não tiveram ninguém a fazer lhes frente mas duvidoso…….

  40. a ultima etapa, tinha 3 montanhas q contavam cm 4ª cat. mas na realidade eram todas d de 2ª cat.

  41. Quem diz que a volta foi fácil e não teve montanhas deve estar a delirar com certeza, as ultimas duas etapas eram um inferno, e as 3 primeiras tinham com cada lomba, nunca eram certas, voz espectadores não falem aquilo que não sofrem.

  42. Amaros Antunes já vi muitos … Rui Carneiro, Gilberto Martins, etc… Deixem o muido Crescer c calma, Campeões provetas existem muitos.

  43. Parabéns Ivo, apesar de só teres recebido o mes de fevereiro inda lutas por um bom lugar.
    Parabéns aos CORREDORES do Sporting.

  44. e para acompanha os Sub 23 estranho esses Carvalhos quase não acabam uma corrida e vejam o que eles andaram estranho não…. não é só os aluvias

  45. o ex isso de levarem uma tareia no nacional nao tem nada a ver, o nacional e uma corrida de sorte, podem ter tido um azar, ou estar menos bem naquele dia… e certo que nao fizeram nada..
    Mas durante a epoca toda nao foram muito maus, tinham sempre o marco cunha na frente, nos sprints, e ganharam algumas corridas…
    Agora nao e de estranhar a suprioridade da aluvia, ja viram bem os ciclistas de la, sao todos homens de estrutura forte, e esta volta de subida so tinha a serra de são mácario, bastou sofrer lá um bocado e passaram…
    Esperemos mais umas semanas e saberemos se e tudo deles ou se tiveram ajuda

  46. muito estranho o k se passou nesta volta, o dominio da Aluvia, nos nacionais levaram uma treia de todo o tamanho. Agora estavam superes. Não queiram ver o k se passa……..

  47. os meus parabens ao ivo fernandes….

    visto ke daqui a umas semanas o ivo sera o vencedor desta etapa.

  48. lest go, média de 40 para sub-23 não é nada?!

    ou você não anda de bicicleta ou então percebe pouco de ciclismo. fazer média de 40 num carro não custa nada, gostava de o ver no lugar dos ciclistas a ver se continuava com a mesma opinião!

  49. olha ”lets go” a etapa de alta montanha desta prova k houve, os ciclistas do mortagua nao xegaram na frente, xegaram a mais de 3minutos, imagina se em vez de uma etapa de montanha haviam 2 ou 3, ficavam a 15minutos na geral!!!

    passaram mesmo ao lado da volta, faltou lhes força!!!

  50. Boa tarde, posso afirmar que estes ultimos dois dias foram os mais desgostosos desde que ando nestas lides do ciclismo, e já lá vão uns anos, cores clubisticas à parte, penso que assistimos, e só quem não percebe nada de ciclismo, a uma demonstração de pseudo-poder por parte da equipa de valongo, em mim regressou aquele desejo de déjavu, mas poderá a vir a ter contornos negros no nosso panorama velocipédico, penso que já é tempo de alguem por cobro a esta situação, não deixando que se “chupe” eventuais, e eu reforço, eventuais ciclistas do futuro, que eu duvido, mais uma vez, afirmo não briquem ao CICLISMO.

  51. espero que estes atletas que ganham tudo tenham melhor futuro que os da casactiva, que no ano passado dominavam tudo mas “estranhamente” desapareceram do ciclismo e não deixaram saudades nenhumas.

  52. Média de 40 para uma prova de sub – 23 nao é nada. A equipa de mortagua passou ao lado desta volta, o que demonstra que nao houve alta montanha nesta prova. Acho que a volta de juniores foi mais dura que esta.lol

  53. até que enfim, estava a ve que o baltazar nao ia ganhar nenhuma etapa…
    Acho que foi uma volta muito facil, visto que os trepadores nao tiveram epodese de se mostrar, apenas o amrao a tentar a sua sorte…
    O Marco cunha ganhou e ganhou bem, fez-se a vida, deu luta, mostrou-se regular…
    Acho e que ja está na altura de ele ir para profissional…
    Mas penso que o grande vencedor foi o amaro, que é de 1º ano, faz9º na geral e já se afirmou em sub-23, sendo dos melhores trepadores…

Os comentários estão fechados.