Ventoux: Assalto aos montes ventosos ao “14º round”

A subida ao Mont Ventoux – o seu nome traduzido Montes Ventosos, deriva da influência do Mistral, os ventos fortes da corrente mediterrânica que batem na região 240 dias por ano – é o último palco de decisões da Volta a França. A subida de amanhã, na véspera da chegada a Paris, é na sua parte final completamente descoberta de vegetação. A célebre paisagem lunar já foi palco de 13 chegadas no Tour desde 1951, desde quando o francês Lucien Lazarides se impôs pela primeira vez.

Primeiros no Ventoux

1951: Lucien Lazarides (FRA)
1952: Jean Robic (FRA)
1955: Louison Bobet (FRA)
1958: Charly Gaul (LUX)**
1965: Raymond Poulidor (FRA)*
1967: Julio Jimenez (ESP)
1970: Eddy Merckx (BEL)*
1972: Bernard Thévenet (FRA)*
1974: Gonzalo Aja (ESP)
1987: Jean-François Bernard (FRA)**
1994: Eros Poli (ITA)
2000: Marco Pantani (ITA)*
2002: Richard Virenque (FRA)*

*coincide com chegada
** contra-relógio, coincide com chegada

2 comentários a “Ventoux: Assalto aos montes ventosos ao “14º round””

  1. Hoje cheira-me a vitoria de Lance Armstrong. Contador ja n precisa, penso k facilitará, se o lance se aguentar aos primeiros ataques dos schlecks pode benificiar na parte final

Os comentários estão fechados.