Contra-análise confirma doping de Piepoli

A contra-análise requerida por Leonardo Piepoli confirma os resultados do primeiro teste, realizado durante a Volta a França: o trepador italiano tomou CERA, garante o laboratório de Chatenay Malabry. O corredor, despedido da Saunier Duval-Scott ainda antes de declarado o seu positivo, havia negado ter-se dopado na sua primeira apresentação perante o procurador antidopagem do Comité Olímpico Italiano. Assim, não deverá ter direito a qualquer redução de pena, prevendo-se uma suspensão por dois anos, que poderá, inclusive, ser agravada. A notícia foi hoje avançada pelo sítio tuttobiciweb.it.