Paulo Martins, Vítor Lourenço e Tito Timóteo campeões nacionais de veteranos

nacionalmaster
Os campeões nacionais de Grândola | Foto: João Fonseca

Os primeiros títulos de estrada da época 2009 foram hoje atribuídos em Grândola, no Campeonato Nacional de Veteranos. Entre os novos campeões há um repetente em relação a 2009, Tito Timóteo (Aluvia/Valongo), em masters C, e duas novidades, Paulo Martins (CC Salvaterra), em masters B, e Vítor Lourenço (Viveiros Vítor Lourenço/Sintra CC), no escalão B. Estiveram presentes 164 corredores, que tiveram de enfrentar muito calor e um circuito com uma ligeira subida, que introduziu a maior selectividade ao traçado.

A prova de veteranos A foi aquela que atraiu o maior número de participantes, 80. A competição decidiu-se na última volta, na qual um ataque em cabeça de corrida isolou um sexteto de onde sairia o campeão nacional. Sobre a meta, o actual comentador televisivo fez uso da ponta final que lhe deu vitórias profissionais e conquistou o direito à camisola de campeão. Paulo Martins precisou de 3h12m30s para percorrer os 123,2 quilómetros. Com o mesmo tempo chegaram o segundo e o terceiro, Humberto Silva (Casa do Benfica de Almodôvar) e José Rodrigues (CRC Famalicao.com), respectivamente.

Vítor Lourenço também usou a velocidade como arma para sagrar-se campeão, pois teve de sprintar para a vitória, no termo dos 98,5 quilómetros da corrida de veteranos B. Lourenço completou a corrida em 2h33m40s, diante de dois ciclistas do Crédito Agrícola/Fundiarte/CC Litoral Alentejano, João Marques e Eduardo Madeira, que cortaram a meta por esta ordem.

O título de veteranos C manteve-se em posse de Tito Timóteo, que atacou na última volta para um concludente triunfo em solitário O campeão cumpriu os 73,8 quilómetros em 1h54m28s. O segundo foi Daniel Barbosa (Sporting Clube Vila Verde) e o terceiro José Magalhães (Skoda/Bicicar/Tourencinho), ambos a 2m01s do vencedor.

Foto: João Fonseca