Segurança continua , agora no Tour de Provence

Os ciclistas manifestaram o seu mal estar com a falta de informação, por parte do organizador do Tour de Provence, no último km da etapa, com dois separadores de estrada que não tinham sido assinalados no livro da prova.

Afbeelding

O facto mereceu a critica dos ciclistas que, mais uma vez, criticaram a UCI por dar importância a factos menores, esquecendo-se das causas principais de quedas, como o caso de hoje.

Davide Ballerini golpea primero en el Tour de la Provenza

Um outro problema, visível a olho nu, são as barreiras de proteção da prova terem pés salientes, pormenor que tem causado alguns acidentes em outras competições.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *