Pogacar: ” Quero defender o triunfo no Tour”

Por: José Morais

Quando se vence um campeão como Valverde, dá muita confiança, afirmou o ciclista esloveno Tadej Pogacar, o atual vencedor do Volta a França, reconheceu que o seu triunfo na Volta à Comunidade Valenciana no início de 2020, lhe deu muita confiança para enfrentar uma nova época, afirmando-se com um dos melhores ciclistas de elite do pelotão internacional.

A BOLA - Tadej Pogacar é o vencedor do 107.º Tour (Volta a França)

O jovem ciclista esloveno admitiu que no ano passado teve muita incerteza quando enfrentou a Volta à Comunidade Valenciana, já que era a sua primeira corrida de 2020, apesar de ter chegado bem preparado, com uma pré-temporada em Benidorm e Navacerrada .O ciclista da UAE realçou a sua boa forma, depois de ter feito treino em altitude, “ mas com receio, já que não pode haver a certeza de como se reagirá na primeira corrida da temporada,” afirmou o corredor dos Emirados Árabes Unidos, que para além da classificação geral, também conquistou duas vitórias na etapa.

-“Sabia que o nível de competição iria ser muito elevado, com várias fases realmente muito difíceis, e quando se pensa em vence um campeão como é Valverde na linha de chegada, como é a Volta à Comunidade Valenciana, dá muita confiança e força para vencer “, palavras de Pogacar .

-“Em Cullera, foi a minha primeira vitória na temporada, foi bastante importante, porque me permitiu ganhar a camisola de líder, e com a vitória em Altea, foi a conformação de que tudo estava a correr bem. Foi maravilhoso, porque consegui ganhar sozinho, e foi uma vitória que marcou o meu triunfo na classificação geral, “- mas Pogacar lembra e acrescenta que foi uma corrida bem organizada com uma preparação espetacular para os objetivos que tinha na temporada, como o Tour Emirados Árabes Unidos e o Tour de França.

Para 2021, a sua preparação tem corrido bem, a pré-temporada está no seu melhor, no final da última temporada passada recuperou com uns dias de descanso nos Emirados Árabes Unidos, que o ajudaram a descontrair e aliviar o stress de uma época difícil. As dificuldades, as restrições ao COVID-19 foram reforçadas, e está agora mais focado em treinar, e ocupado com compromissos dos patrocinadores e médias .

– Nesta fase da temporada, estou satisfeito com este processo todo e pelo que me aconteceu . Tenho ansiedade em correr novamente, já que depois de ter conquistado em setembro o primeiro Tour de França com os meus 21 anos de idade, vou enfrentar a nova temporada muito motivado. Adoro a bicicleta, amo competir, por isso não acho difícil encontrar motivação para seguir em frente e subir bem alto, apesar de ainda ter muitas coisas que quero alcançar na minha carreira de ciclista. Quero defender o título do Tour de França, algo que adoraria ser capaz de alcançar novamente, mas não me posso também esquecer que existem outras corridas importantes, que eu gostava de superar e vencer.

Vontade e pensamento positivo não faltam a Pogacar, no dealbar de uma nova temporada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *