Demare melhor que Peter Sagan

RESULTADO ESTÁGIO 4 GIRO 2020. Arnaud Démare vence Peter Sagan e Davide Ballerini no sprint milimétrico
Sprint espetacular no final da 4ª etapa, e que permitiu a Demare afirmar-se, cada vez mais, como um sprinter de topo.

Apesar do col de Portella Mandrazzi (4% em média), neste quarto e último dia na Sicília, a etapa disputada entre Catânia e Villafranca Tirrena (140 km), permitiu aos melhores sprinters expressar as suas faculdades, proporcionando uma chegada espetacular, com Demare a impor a sua ponta de velocidade.

João Almeida continua a liderar a classificação geral e vai envergar a camisola rosa pelo menos mais um dia. Jonathan Caicedo, por sua vez, segue no topo da classificação de melhor trepador depois da vitória de segunda-feira no Etna. Peter Sagan endossa a camisola Ciclame da classificação por pontos após o seu segundo lugar de hoje.

RESULTADO ESTÁGIO 4 GIRO 2020. Arnaud Démare vence Peter Sagan e Davide Ballerini no sprint milimétrico


Numa etapa reservada aos velocistas, a Bora-Hansgrohe controlou a corrida. A equipe de Peter Sagan neutralizou o fugitivo do dia, Simon Pellaud, que largou sozinho, e foi alcançado a 23 km da chegada, após uma fuga de 120 km.

Antes disso, a Bora-Hansgrohe acelerou na única dificuldade do dia, a escalada de Portella Mandrazzi (média de 4%), conseguindo deixar para trás vários favoritos à vitória final, entre os quais Elia Viviani (Cofidis) que recolou mas já em dificuldade e Fernando Gaviria (Emirados Árabes) em particular..

Joao Almeida guarda fuerzas necesarias para los próximos días
João Almeida escoltado pelos seus colegas de equipa.

Arnaud Démare conseguiu acompanhar o ritmo imposto pelo Bora-Hansgrohe, com a Groupama-FDJ a controlar o final da corrida de forma a colocar o seu líder nas melhores condições. No final de um forte sprint, Arnaud Démare, levou a melhor sobre Peter Sagan (Bora) e Davide Ballerini (Quick Step), obtendo a segunda vitória de etapa da sua carreira no Giro ,depois da obtida em 2019 (10ª etapa) e a 11ª nesta temporada, tornando-se o ciclista mais profícuo em 2020 , à frente de Tadej Pogacar e Remco Evenepoel (9 vitórias).