” Esperamos chegar a Paris” . é agora o objetivo final

Tour de France: gare à la nouvelle vague de tests ce lundi
Não deve ser fácil fazer um teste…

Faltando menos de uma semana, a caravana do Tour de France fez folga em Isère nesta segunda-feira. Depois de todos os esforços feitos desde a Grand Départ de Nice e enquanto se aguarda pelas últimas seis etapas, estes momentos de descanso são bem-vindos enquanto se espera uma onda de calor, no departamento de Grenoble, com uma temperatura máxima de 32 ° C. .

Um treino de descompressão, algumas conferências de imprensa e muito tempo de recuperação são objetivos para os 156 sobreviventes ainda em prova. Mas a tarefa principal do dia será, certamente a realização de um novo teste para a detecção do Covid-19, de acordo com o protocolo sanitário validado pelas autoridades francesas. Para esta nova (e última) onda, como foi dito há uma semana, todas as equipas foram contabilizadas com zero casos. As quatro equipes afetadas em Charente-Maritime por um teste positivo (AG2R La Mondiale, Cofidis, Ineos, Mitchelton-Scott), estão em pé de igualdade com as restantes.

Para que uma equipa seja excluída do Tour, serão necessários, dois novos casos positivos numa operação realizada entre domingo e segunda-feira, por motivos técnicos. Nada menos que 841 testes foram realizados há uma semana em La Rochelle, incluindo quase 700 para a “bolha da corrida”.

Em relação ao público e a sua presença física ou não ao longo das etapas são decisões da prefeitura tomadas pelos distintos departamentos , explicou o diretor do Tour, Christian Prudhomme, positivo (e assintomático) na semana passada, cujo retorno é esperado amanhã, sujeito a resultado negativo no novo teste que vai passar nesta segunda-feira.

Finalmente, nenhuma decisão foi tomada ainda para uma final a portas fechadas na Champs-Élysées. “Vivemos o dia a dia”, disse Thierry Gouvenou, diretor de prova e assistente de Prudhomme. “Esperamos chegar a Paris. Temos que nos adaptar de acordo com as regiões e as decisões das autoridades.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *