Quick Step não deixa cair Tom Boonen

A Quick Step vai apoiar o corredor Tom Boonen, tentando ajudá-lo a deixar o “uso ocasional” de cocaína. A equipa mantém o ciclista suspenso por tempo indeterminado e pondera multá-lo. A Quick Step argumenta que Tom Boonen “não é um escravo da droga” nem está viciado, no entanto irá disponibilizar ao corredor apoio psicológico e psiquiátrico para que Boonen não consuma cocaína. Além da prevenção, a equipa promete fazer testes regulares de urina e análises capilares, pelo menos três vezes por ano.