Oficial : provas italianas anuladas até 3 de abril

A RCS poderá ter um rombo nas suas finanças, depois de ter sido anunciado a anulação das suas provas, previstas para março. O governo italiano decretou a interdição da realização de espetáculos desportivos ao ar livre até 3 de abril, só sendo autorizados eventos desportivos à porta fechada.

Este decreto impediu a realização de provas importantes como :
Strade Bianche (7 de março, homens e mulheres), GP Industria & Artigianato (8 de março), Popolarissima (15 de março), Tirreno-Adriatico (11 a 17 de março), Milão-Sanremo (21 de março) ), Trofeo Alfredo Binda (22 de março, mulheres), Settimana Internazionale Coppe e Bartali (25-29 de março), Tour da Sicília (1-4 de abril), um autêntico rombo financeiro para os organizadores e uma catástrofe para as equipas.

Entretanto as equipas da Lotto e Deceuninck já deram instruções às suas viaturas, que já viajam para Itália para estacionarem e regressarem .