Rota da Filigrana: Francisco Campos triunfo ao sprint

Francisco Campos da W 52-FC Porto foi o vencedor da Clássica Rota da Filigrana , triunfo obtido ao sprint depois do pelotão ter anulado uma escapada de três ciclistas a três kms da meta.

A prova foi bem disputada de principio ao final dos 132 kms da corrida, como o comprova a média final superior a 43 kms/h. Uma fuga de cinco ciclistas, que viria a ser reduzida para três ciclistas, Luis Mendonça, Alejandro Marque e Márcio Barbosa quase se concretizava, não fosse o forte empenho de quase todas as equipas sem ciclistas na fuga que acabaram com as veleidades já à entrada dos limites da Póvoa de Lanhoso.

Na única contagem do PM o vencedor foi Luis Mendonça, enquanto Luis Pereira seria o melhor dos ciclistas da equipa de clube, com a sua equipa JV Perfis-Gondomar a sagrar-se a melhor amadora. A nível profissional foi o Sporting a equipa vencedora.

Classificação: