Começou mal a 1ª etapa do Tour de l’ Avenir para a Seleção Nacional

Não começou da melhor forma para a seleção nacional a Volta à França do Futuro, com metade da equipa a ver-se envolvida numa queda coletiva, e deixar bastante maltratados três dos seus componentes: Afonso Silva, Guilherme Mota e Marcelo Salvador, que foram transportados para o hospital, no final da etapa.

A queda ocorreu perto da linha de meta, envolvendo 30 ciclistas com os comissários a acabar por dar o mesmo tempo do pelotão a todos os ciclistas.

A etapa foi ganha pelo dinamarquês Mathias Norsgaard Jorgensen , com 52 segundos de vantagem sobre o pelotão, comandado pelos britânicos Ethan Hayter e Thomas Pidco .
Todos os elementos da seleção nacional estão a 52 segundos do camisola amarela, exceto Francisco Campos, 146.º, a 8m56s . Gonçalo Carvalho é 51.º, Jorge Magalhães 84.º, Afonso Silva 129.º, Guilherme Mota 131.º e Marcelo Salvador 133.º. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *