Rafael Reis foi o melhor português no contra-relógio

Rafael Reis foi o melhor ciclista português no primeiro sector da terceira etapa da Corrida da Paz, um contra-relógio de 11,6 quilómetros disputado esta manhã. Reis foi o 39º classificado no exercício individual, a 1m01s do vencedor, o alemão Nikias Arndt, que cumpriu a prova em 14m32s, à média de 47,850 km/h. A luta pelos dois primeiros lugares foi apertada, tendo o segundo classificado, Victor Manakov (Rússia) gasto apenas mais um segundo do que o germânico.

Na geral, liderada pelo russo, Matvey Zubov, Daniel Freitas permanece como melhor português, embora o 42º posto no contra-relógio tenha feito o nortenho cair para a 20ª posição, a 1m09s do camisola amarela. Por equipas, comanda a Rússia, estando Portugal no décimo lugar entre as 20 selecções presentes.

2 comentários a “Rafael Reis foi o melhor português no contra-relógio”

  1. Parabéns a todos os ciclistas que representam a nossa Seleção de Juniores !! FORÇA CAMPEÕES !! estamos no bom caminho ! Portugal tem é que investir mais nestes jovens, dando-lhes mais oportunidades nas competições internacionais. Se houvesse mais cobertura através das televisões e jornais, dando assim uma maior divulgação à modalidade e aos patrocinadores, haveria concerteza mais empresas a investir no ciclismo, criando assim, melhores condições de apoio para estes escalões onde temos grandes valores que certamente podem dignificar o ciclismo Português no futuro. Infelizmente, para quem anda no ciclismo amador e conhece esta realidade, são os pais e pequenos patrocinadores que mantêm as escolas. Até a segurança feita pela PSP ou GNR aos ciclistas nas corridas é paga pelas entidades organizadoras das provas… até quando ??? cá vos esperamos para mais umas corridas Nacionais. Com ou sem vitórias, voces merecem o nosso aplauso !

    Eduardo Azevedo

  2. O rafael anda a mostrar-se muito forte nos cronos.

    pena é que os portugues tenham metade do peso dos melhores contra-relogistas do escalão XD

Os comentários estão fechados.