Gaviria “próximo” da UAE

A equipa da QuickStep está a passar um momento deveras dificil, não conseguindo ainda encontrar um segundo sponsor que assegure parte dos 18 milhões necessários para manter a equipa no escalão World Tour.

Sem Tepstra que assinou pelos franceses da Direct Energie, é  agora a vez de Fernando Gaviria poder estar de saída, contribuindo para um desafogo financeiro da formação belga. O colombiano tem um vencimento de dois milhões de euros/ano, e mais um ano de contrato com a QuickStep, que poderá ser quebrado com a entrada de uma compensação financeira por parte da equipa dos Emirates Árabes, para quem Kristoff não foi a solução encontrada para a discussão de etapas nas três  grandes provas .

Mesmo dispensando Gaviria, a QuickStep conserva ainda um dos ciclistas mais vitoriosos da temporada, o italiano Elia Viviani.