Taça de Portugal : César Fonte venceu na Murtosa

Não se pensaria que a ultima prova de estrada da temporada no nosso país, que marcou o final da Taça de Portugal, tivesse um índice competitivo tão elevado, como os ciclistas hoje demonstraram, ao longo dos 151 kms que ligaram a Anadia à Murtosa, e que César Fonte ( W52 -FCP) venceu, mas que permitiu a David Rodrigues ( Radio Popular – Boavista) ser o  vencedor absoluto e Francisco Campos ( Mortágua – Miranda) titular em sub-23.

Nas duas primeiras horas de corrida, foram percorridos 83 kms, e com duas contagens de montanha de segunda cat. incluídas, Talhadas e Sever de Vouga. Terá sido nesta ultima subida que Domingos Gonçalves atacou, formando na frente um grupo forte de oito elementos entre os quais estavam incluídos, David Rodrigues, Hugo Nunes, César Fonte , Luis Mendonça e Jacobo Ucha. A fuga seria neutralizada 25 kms depois pela equipa da Liberty seguros, interessada em anular a escapada dada a inclusão de Hugo nunes ( Mortágua) na frente da corrida. A fuga não chegou a ser totalmente neutralizada, pois na frente mantiveram-se Fonte e Ucha e juntos discutiram o triunfo. Uma escapada que serviu os interesses da Radio Popular – Boavista, já que os dois da frente ” roubaram” pontos aos principais opositores de David Rodrigues. Bem tentou a Mortágua-Miranda nos ultimos kms neutralizar os dois homens da dianteira, mas o mais que conseguiram foi reduzir a diferença para 30 segundos.

Classificação da  Clássica Anadia  – Murtosa: