lappartient impaciente em relação a armstrong

David Lappartient, o recém eleito presidente da UCI, anda num autêntico frenesim, para evitar que o americano Lance Armstrong esteje presente no Tour de Flandres, como convidado da organização.

Já escreveu cartas, já telefonou mas o certo é que Wouter Vandenhaut , o organizador da prova  não voltou com a palavra atrás e manteve o convite a Armstrong, pois segundo ele, não vai ocupar qualquer cargo oficial, não vai integrar a prova, apenas estará presente em cerimónias à margem da corrida, onde a sua presença é bem vinda .

Lappartient, por seu turno, estará preocupado pelo facto de Armstrong estar castigado vitaliciamente, assim uma espécie de prisão perpétua, de estar presente em eventos desportivos, ao que se sabe por ter cometido um crime que a maior parte dos ciclistas da sua geração cometeu. Lappartient preocupa-se  muito com o americano, mas preocupou-se muito pouco com outros nomes, precisamente franceses que cometeram o mesmo crime, curiosamente um deles com sete prémios de montanha no Tour, e que continua na alta roda do mundo velocipédico.