aqua blue sport inovação com a 3t para 2018

A equipa irlandesa da Aqua Blue Sport , suportada por um excêntrico milionário, com um gosto inusitado pelo ciclismo, é uma das formações mais avançadas, no que diz respeito a inovações, que começa pelo simples facto da Aqua Blue Sport, para já não ser nada, um pouco a exemplo do que se passa com a Katusha.

A formação irlandesa que esta temporada corria com bicicletas  Ridley, trocou a marca belga pela 3T, empresa pouco conhecida na área das bicicletas, mas muito conhecida ao nível de espigões guiadores e rodas .

A bicicleta, cuja geometria é um pouco semelhante à Cervelo, tem como inovação o facto de ter apenas um prato, o que dá um aspeto muito mais ligeiro, reforçado com os travões de disco e a ausência de cabos e dos travões convencionais.

Com o pedaleiro apenas com um prato, de 48 ou 50 dentes, segundo o tipo de etapa a disputar e uma cassete de 11 velocidades, sendo a pinhão mais pequeno um onze , mas um pouco mais pequeno que o habitual e o maior um 32 ou 36, consoante o perfil de cada etapa. Com estes andamentos, pretende o construtor substituir os dois pratos habituais 53×39.