Jose Antonio Garrido perto do Cartaxo

O ciclista basco Jose Antonio Garrido, que em 2008 integrou o plantel da LA-MSS, afirmou ao jornal Gara que está tudo encaminhado para que possa correr pela nova equipa do Cartaxo na próxima época. Garrido adiantou, no entanto, que também teve uma oferta da Barbot-Siper e que ainda espera para ver o colectivo gaiense cobre a proposta dos ribatejanos.

Jose Antonio Garrido é profissional desde 1999, ano em que serviu o Benfica. Entretanto já passou pela Jazztel-Costa de Almeria e pela ProTour Quick Step. Em 2007 ficou desempregado, só conseguindo equipa em Junho, quando Manuel Zeferino o foi recrutar para reforçar a LA-MSS. Garrido é um ciclista combativo que se destaca enquanto gregário. O Jornal Ciclismo tentou confirmar as declarações do corredor junto dos responsáveis pelos colectivos do Cartaxo e da Barbot-SIper, Renato Silva e Carlos Pereira, respectivamente, mas tal não foi possível.

Outro corredor basco que evoluiu nas estradas portuguesas em 2008 foi Koldo Gil. Dispensado pela Liberty Seguros, o trepador está ainda sem equipa. O mesmo diário do País Basco adiantou que Gil ofereceu os seus préstimos a Igor González Galdeano, director da Euskaltel-Euskadi. No entanto, aquela equipa ProTour já tem o plantel fechado, pelo que Koldo Gil continua no mercado.