Leonel Coutinho vence segunda etapa e lidera Volta a Loulé

Leonel Coutinho (ASC-Vila do Conde) venceu esta manhã a segunda etapa da Volta ao Município de Loulé, passando a envergar a camisola amarela da liderança. O corredor transmontano aproveitou a inclinação dos últimos 500 metros para deixar para trás toda a concorrência, incluindo o antigo líder, Daniel Freitas (Silva & Vinha/ADRAP), que foi o terceiro a cortar o risco, a 3 segundos de Coutinho. Na geral, o ciclista da equipa vilacondense dispõe agora de uma vantagem de 3 segundos sobre Freitas, segundo classificado.

Os 73 quilómetros que ligaram Alte a Monte Seco foram bastante animados com sucessivos ataques. Dessas escaramuças resultaram sempre diferentes situações de corrida, com distintos grupos a estarem na frente, alguns deles com mais de uma dezena de unidades. Foi de uma dessas iniciativas que resultou a distribuição das passagens na montanha e nas metas volantes. Eugeniu Cozonac (CC Loulé) apostou na montanha e Simon Maestra (Cajamar) ficou com a meta volante, o que lhe permitiu aceder ao topo desta classificação.

Já nos últimos quilómetros deu-se a anulação de todas as fugas, sendo o triunfo discutido por um grupo numeroso. Apesar de entrar compacto na parte final, o pelotão partiu-se nos derradeiros 500 metros, que subiam a uma inclinação que rondava os 7 por cento. A selectividade foi propícia ao golpe de pedal de Leonel Coutinho, que ganhou a tirada ligeiramente destacado, com 2 segundos de avanço sobre o companheiro de equipa David Rodrigues e 3 segundos à melhor sobre Daniel Freitas.

A etapa matutina deixou a corrida ao rubro, aguardando-se pelo contra-relógio desta tarde para ver de que modo a classificação se manterá ou será revolucionada. O exercício individual é longo para este escalão. Além da extensão, os 17,7 quilómetros que vão ligar Benafim a Querença ficam marcados pela selectividade escondida nos derradeiros 5 quilómetros. Nesse espaço, haverá duas subidas duras que vão quebrar o ritmo aos roladores. Além destas dificuldades, vai ser necessário sofrer até ao fim, pois os últimos 200 metros encontram-se numa ladeira com cerca de 200 metros e uma inclinação de 10 por cento que poderá fazer estragos, sobretudo numa prova em que o equilíbrio, até ao momento, tem sido a nota dominante.

CLASSIFICAÇÕES
2ª etapa: Alte – Monte Seco,73 Km
Média de 37,533 km/h
1º Leonel Coutinho (ASC-Vila do Conde), 1h53m30s
2º David Rodrigues (ASC-Vila do Conde), a 2s
3º Daniel Freitas (Silva&Vinha/ADRAP), a 3s
4º Rafael Reis (Crédito Agrícola/Alcobaça), a 8s
5º Fábio Oliveira (Neves-Vauner-Ramalde), a 11s
6º Eugeniu Cozonac (CC Loulé), mt
7º Alexandre Cruz (Crédito Agrícola/Alcobaça), mt
8º Fábio Costa (Crédito Agrícola/Alcobaça), a 12s
9º Bruno Borges (LA Sistemas/Trevomar), mt
10º Vítor Valinho (CC José Maria Nicolau), mt

Geral individual
1º Leonel Coutinho (ASC-Vila do Conde), 4h00m35s
2º Daniel Freitas (Silva&Vinha/ADRAP), a 3s
3º David Rodrigues (ASC-Vila do Conde), a 7s
4º Rafael Reis (Crédito Agrícola/Alcobaça), a 20s
5º Eugeniu Cozonac (CC Loulé), a 23s
6º Fábio Oliveira (Neves/Ramalde), mt
7º Alexandre Cruz (Crédito Agrícola/Alcobaça), mt
8º Fábio Costa (Crédito Agrícola/Alcobaça), a 24s
9º Vítor Valinho (CC José Maria Nicolau), a 26s
10º Pablo Ramirez (Cajamar), a 27s

Equipas
1ª Crédito Agrícola/Alcobaça, 12h02m52s
2ª Neves-Vauner-Ramalde, a 23s
3ª Cajamar, a 25s

Pontos
1º Leonel Coutinho (ASC-Vila do Conde), 45 pontos
2º Daniel Freitas (Silva&Vinha/ADRAP), 41
3º David Rodrigues (ASC-Vila do Conde), 31

Montanha
1º Daniel Freitas (Silva&Vinha/ADRAP), 5 pontos
2º Eugeniu Cozonac (CC Loulé), 5
3º Renato Avelar (ACD Milharado/Intermarché/Mafra), 3

Metas Volantes
1º Simon Maestra (Cajanar), 5 pontos
2º David Rodrigues (ASC-Vila do Conde), 3

13 comentários a “Leonel Coutinho vence segunda etapa e lidera Volta a Loulé”

  1. entao aonde esteve o coutinho nas outras corridas?!isso de quem aparece e desaparece é suspeito joakin.

  2. Mas se os jornalistas o destacam é porque ele é um bom ciclista… e ser um bom ciclista nao significa ganhar todas as provas que faz… ha’ dias bons e maus… cada um dá o q pode.. se nao ganhou só tem de treinar mais para ganhar… nao queremos um daniel freitas imbativel… porque se for ele a ganhar tudo o ciclismo perde a piada… é preciso ter adversários…

  3. A grande aposta ainda está para ser anunciada apesar de já aparecer no Top10.
    Quais ^Danieis ou Leooneis…
    Verão quem tem unhas para a viola!
    Esperem e fiquem surpresos

  4. Ja se viu que o freitas cada vez anda menos, em vez de ser a subir e so a descer na classificação….

  5. Pelo que os jornalistas destacam parece que o daniel é imbativel……
    Mas a prova disso foi hoje o ASC provou que mais uma vez é uma equipa organizada e consegue meter medo……

  6. Parabens ao Leonel , ao David e ao resto da equipa (ASC-Vila Do Conde)…

    Continuem a ganhar

  7. Grande Leonel provou mais uma vez que o daniel freitas não é invativel!!!!
    Vamos ver hoje á tarde!!!

Os comentários estão fechados.