JO – Jaroslav Kuhlav venceu prova de BTT – David Rosa foi 23º

Jaroslav Kuhlav venceu tudo o que havia para vencer em 2011¨Campeonato do Mundo, a Taça do Mundo e o campeonato da Europa, em 2012 levantou os braços pela primeira vez para ser campeão olímpico.

Não se pode dizer que o checo não tenha merecido o título, disputado ao sprint, com aquele que talvez tenha sido o homem mais forte da prova, o suíço Nino Schurter, mas por vezes é preciso ter uma estrelinha, que a não teve, por exemplo, a grande revelação destes Jogos, o italiano Marco Fontana, que ficou sem selim na fase decisiva , impedindo-o de discutir o primeiro lugar.

Schurter foi pouco tático, muito embora haja grandes diferenças nas provas de estrada e BTT, o certo é que ao impor praticamente o ritmo de principio ao fim da corrida, o suíço só se pode queixar de si mesmo, numa tática pouco assertiva e que facilitou , e de que maneira o triunfo da Jaroslav Kuhlavy.

Com azar esteve o francês Julien Absalon, vencedor em 2008, vitima de furo e queda que o obrigou a desistir. Outros nomes em destaque na corrida foram o espanhol Hermida e o sulafricano Stander, ambos estiveram com os três da frente, mas claudicaram a duas voltas do fim.

Por seu turno, David Rosa terá superado as expectativas ao seu redor, terminando a 4.23 do vencedor, no 23º posto, numa prova em que alinharam 50 atletas e terminaram 40, estando presentes os melhores especialistas mundiais.

O corredor português entrou muito forte na pista londrina, rapidamente conquistando um lugar entre os 20 primeiros. No entanto, uma queda logo na primeira volta atirou David Rosa para próximo do trigésimo lugar.

“Correu bem melhor do que esperava, apesar da queda. Com o nervosismo da primeira volta, sentindo-me pressionado por um corredor, tentando não perder posições, arrisquei demasiado e acabei por dar um mortal por cima das pedras. Fiquei um bocado abananado, mas recompus-me na subida seguinte e fui recuperando posições. Na última volta quebrei um pouco, mas o resultado é muito bom, até porque o ritmo foi sempre alucinante”, afirmou David Rosa, no final da competição.

Classificação:
1 KULHAVY Jaroslav 1:29:07
2 SCHURTER Nino 1:29:08
3 FONTANA Marco Aurelio 1:29:32
4 HERMIDA RAMOS Jose Antonio 1:29:36
5 STANDER Burry 1:29:37
6 COLOMA NICOLAS Carlos 1:30:07
7 FUMIC Manuel 1:30:31
8 KABUSH Geoff 1:30:43
9 GEHBAUER Alexander 1:31:16
10 WELLS Todd 1:31:28
11 TEMPIER Stephane 1:31:30
12 SKARNITZL Jan 1:31:48
13 KERSCHBAUMER Gerhard 1:32:02
14 CINK Ondrej 1:32:16
15 SCHULTZ Samuel 1:32:29
16 KONWA Marek 1:32:41
17 van HOUTS Rudi 1:32:53
18 NAEF Ralph 1:32:58
19 van HOOVELS Kevin 1:33:01
20 MARKT Karl 1:33:18
21 McCONNELL Daniel 1:33:22
22 MANTECON GUTIERREZ Sergio 1:33:46
23 ROSA David Joao Serralheiro 1:33:50
24 VALERIANO Rubens 1:34:23
25 VOGEL Florian 1:34:36
26 SOTO Catriel Andres 1:35:13
27 YAMAMOTO Kohei 1:35:26
28 PAEZ LEON Hector Leonardo 1:36:02
29 PERAUD Jean-Christophe 1:37:07
30 BASSINGTHWAIGHTE Marc 1:37:17
31 RYSENKO Sergji 1:37:32
32 BRZOZKA Piotr 1:38:37
33 ILIAS Periklis 1:38:51
34 MILATZ Moritz 1:38:59
35 BUYS Philip 1:40:11
36 MONTOYA CANTILLO Paolo Cesar 1:41:19
37 PECHENIN Evgeniy 1:41:40
38 CHAN Chun Hing 1:41:59
39 NIYONSHUTI Adrien 1:42:46
40 ATHANASIADIS Marios 1:43:25

5 comentários a “JO – Jaroslav Kuhlav venceu prova de BTT – David Rosa foi 23º”

  1. Miro, que vergonha vires para aqui dizer asneiras depois de teres bebido… O Ricardo até nem é mau, mas o pai… 🙂
    Pedro, o Rui Costa fez um bom resultado mas nem queiras comparar… o David se passase para a estrada ganhava logo a Volta a POrtugal…

Os comentários estão fechados.