Rui Costa foi sensacional do princípio ao fim

Rui Costa conquista na Volta a Suíça


Português é o primeiro de sempre a vencer uma prova por etapas World Tour. Nos últimos quilómetros da prova assumiu a perseguição aos rivais

Rui Costa fez novamente história no ciclismo luso ao garantir na tarde de domingo a conquista da Volta a Suíça, a primeira prova por etapas do World Tour conquistada por um ciclista português. A vitória de Rui Costa, líder desde segunda-feira, acabou selada após 216 quilómetros que chegaram a fazer perigar, por diversas vezes, a camisola amarela do corredor da Póvoa de Varzim. Mas tendo a seu lado um Alejandro Valverde soberbo – o espanhol tal como na véspera foi um “gregário de luxo” no sacrifício ao português – Costa soube gerir na perfeição as incidências da corrida para inscrever, pela primeira vez, o nome de um português no lugar cimeiro da prova helvética. Antes, na prova cuja primeira edição data de 1933, apenas um português figurava anteriormente no pódio: Acácio da Silva (2º em 1984 e 3º em 1988).

Na corrida até Sörenberg, Rui Costa teve que se defender do ataque de Frank Schleck na penúltima subida do dia, antes de enfrentar o ataque de vários adversários bem posicionados – a maior ameaça era Steven Kruijswijk (Rabobank)- na ascensão final, de 2ª categoria. Nos últimos quatro quilómetros, já sem Alejandro Valverde, Rui Costa pegou na corrida em mãos e assumiu a perseguição, isto depois de instigar os seus seus adversários a colaborarem na caçada visto que também os seus lugares estavam em risco. A etapa acabou conquistada pelo estoniano Tanel Kangert (Astana), um dos fugitivos do dia, e Rui Costa cortou o risco na 10ª posição, erguendo o braço em saudação. No pódio, Costa, apoiado em grande número por emigrantes portugueses, amigos e familiares, foi secundado por Frank Schleck (Radioshack), a 14 segundos, e por Levi Leipheimer (Omega Pharma), a 21 segundos.

Classificações:
1 Tanel Kangert (Est) Pro Team Astana 5:54:22
2 Jérémy Roy (Fra) FDJ-Big Mat 0:00:02
3 Matteo Montaguti (Ita) AG2R La Mondiale 0:00:31
4 Robert Kiserlovski (Cro) Pro Team Astana 0:01:46
5 Steven Kruijswijk (Ned) Rabobank Cycling Team
6 Mathias Frank (Swi) BMC Racing Team
7 Chris Anker Sörensen (Den) Team Saxo Bank
8 Frank Schleck (Lux) RadioShack-Nissan 0:01:48
9 Robert Gesink (Ned) Rabobank Cycling Team
10 Rui Alberto Faria Da Costa (Por) Movistar Team
11 Levi Leipheimer (USA) Omega Pharma – QuickStep
12 Bart De Clercq (Bel) Lotto Belisol Team
13 Mikel Nieve Ituralde (Spa) Euskaltel-Euskadi
14 Nicolas Roche (Irl) AG2R La Mondiale
15 Wout Poels (Ned) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team 0:01:53
16 Roman Kreuziger (Cze) Pro Team Astana
17 Thomas Danielson (USA) Garmin-Barracuda
18 Bauke Mollema (Ned) Rabobank Cycling Team 0:02:12
19 Alejandro Valverde Belmonte (Spa) Movistar Team 0:02:26
20 Vladimir Gusev (Rus) Katusha Team 0:04:20
21 Alexandr Kolobnev (Rus) Katusha Team 0:06:50
22 Thomas Peterson (USA) Garmin-Barracuda
23 Martin Elmiger (Swi) AG2R La Mondiale
24 Maxime Monfort (Bel) RadioShack-Nissan
25 Laurens Ten Dam (Ned) Rabobank Cycling Team 0:06:52
26 Morris Possoni (Ita) Lampre – ISD
27 Brent Bookwalter (USA) BMC Racing Team 0:07:31
28 Peter Velits (Svk) Omega Pharma – QuickStep 0:07:58
29 Mikel Astarloza Chaurreau (Spa) Euskaltel-Euskadi 0:08:49
30 Michael Barry (Can) Sky Procycling
31 Thomas Löfkvist (Swe) Sky Procycling
32 Lars Petter Nordhaug (Nor) Sky Procycling
33 Gorka Izagirre Insausti (Spa) Euskaltel-Euskadi
34 Giampaolo Caruso (Ita) Katusha Team
35 Raymond Kunzli (Swi) Spidertech Powered By C10
36 Fabian Wegmann (Ger) Garmin-Barracuda 0:12:55
37 Marco Marcato (Ita) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team
38 Georg Preidler (Aut) Team Type 1 – Sanofi 0:12:58
39 Juan Horrach Rippoll (Spa) Katusha Team
40 Dario Cataldo (Ita) Omega Pharma – QuickStep 0:17:08
41 Jakob Fuglsang (Den) RadioShack-Nissan
42 Volodymir Gustov (Ukr) Team Saxo Bank
43 Sergio Miguel Moreira Paulinho (Por) Team Saxo Bank
44 Xabier Zandio Echaide (Spa) Sky Procycling
45 Linus Gerdemann (Ger) RadioShack-Nissan
46 Stephen Cummings (GBr) BMC Racing Team
47 Timothy Duggan (USA) Liquigas-Cannondale
48 Andreas Klöden (Ger) RadioShack-Nissan
49 Jose Joaquin Rojas Gil (Spa) Movistar Team 0:20:10
50 Allan Davis (Aus) Orica GreenEdge Cycling Team
51 Stuart O’Grady (Aus) Orica GreenEdge Cycling Team
52 Manuele Mori (Ita) Lampre – ISD
53 Damiano Cunego (Ita) Lampre – ISD
54 Marzio Bruseghin (Ita) Movistar Team
55 Javier Megias Leal (Spa) Team Type 1 – Sanofi
56 Julien Berard (Fra) AG2R La Mondiale
57 Lucas Euser (USA) Spidertech Powered By C10
58 Peter Sagan (Svk) Liquigas-Cannondale
59 Moreno Moser (Ita) Liquigas-Cannondale
60 Maarten Wynants (Bel) Rabobank Cycling Team
61 Grischa Niermann (Ger) Rabobank Cycling Team
62 Johnny Hoogerland (Ned) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team
63 Guillaume Bonnafond (Fra) AG2R La Mondiale
64 Romain Sicard (Fra) Euskaltel-Euskadi
65 Alexander Efimkin (Rus) Team Type 1 – Sanofi
66 Salvatore Puccio (Ita) Sky Procycling
67 Rubens Bertogliati (Swi) Team Type 1 – Sanofi
68 Kris Boeckmans (Bel) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team
69 Mathew Hayman (Aus) Sky Procycling
70 Tom Jelte Slagter (Ned) Rabobank Cycling Team
71 Alessandro Bazzana (Ita) Team Type 1 – Sanofi
72 Martin Kohler (Swi) BMC Racing Team
73 Vladimir Karpets (Rus) Movistar Team
74 Daniel Oss (Ita) Liquigas-Cannondale
75 Troels Ronning Vinther (Den) Team Saxo Bank
76 Matteo Trentin (Ita) Omega Pharma – QuickStep
77 Grégory Rast (Swi) RadioShack-Nissan
78 Marcus Burghardt (Ger) BMC Racing Team
79 Michael Morkov (Den) Team Saxo Bank
80 Laurent Didier (Lux) RadioShack-Nissan
81 Lloyd Mondory (Fra) AG2R La Mondiale 0:29:17
82 Sébastien Minard (Fra) AG2R La Mondiale
83 Vladimir Isaichev (Rus) Katusha Team
84 Nikita Novikov (Rus) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team
85 Ruben Perez Moreno (Spa) Euskaltel-Euskadi
86 Alex Howes (USA) Garmin-Barracuda
87 Caleb Fairly (USA) Spidertech Powered By C10
88 Guillaume Boivin (Can) Spidertech Powered By C10
89 Brian Vandborg (Den) Spidertech Powered By C10
90 Ryan Anderson (Can) Spidertech Powered By C10
91 Pablo Urtasun Perez (Spa) Euskaltel-Euskadi
92 Luca Paolini (Ita) Katusha Team
Geral:
1 Rui Alberto Faria Da Costa (Por) Movistar Team 35:54:49
2 Frank Schleck (Lux) RadioShack-Nissan 0:00:14
3 Levi Leipheimer (USA) Omega Pharma – QuickStep 0:00:21
4 Robert Gesink (Ned) Rabobank Cycling Team 0:00:25
5 Mikel Nieve Ituralde (Spa) Euskaltel-Euskadi 0:00:40
6 Roman Kreuziger (Cze) Pro Team Astana 0:00:47
7 Thomas Danielson (USA) Garmin-Barracuda 0:00:48
8 Steven Kruijswijk (Ned) Rabobank Cycling Team 0:00:59
9 Alejandro Valverde Belmonte (Spa) Movistar Team 0:01:42
10 Nicolas Roche (Irl) AG2R La Mondiale 0:01:52
11 Chris Anker Sörensen (Den) Team Saxo Bank 0:02:10
12 Mathias Frank (Swi) BMC Racing Team 0:02:21
13 Robert Kiserlovski (Cro) Pro Team Astana 0:02:42
14 Bart De Clercq (Bel) Lotto Belisol Team 0:03:18
15 Wout Poels (Ned) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team 0:04:40
16 Vladimir Gusev (Rus) Katusha Team 0:05:41
17 Thomas Löfkvist (Swe) Sky Procycling 0:08:23
18 Tanel Kangert (Est) Pro Team Astana 0:09:00
19 Jérémy Roy (Fra) FDJ-Big Mat 0:09:55
20 Mikel Astarloza Chaurreau (Spa) Euskaltel-Euskadi 0:10:22
21 Giampaolo Caruso (Ita) Katusha Team 0:10:28
22 Gorka Izagirre Insausti (Spa) Euskaltel-Euskadi 0:10:41
23 Laurens Ten Dam (Ned) Rabobank Cycling Team 0:13:13
24 Michael Barry (Can) Sky Procycling 0:13:31
25 Jakob Fuglsang (Den) RadioShack-Nissan 0:16:46
26 Maxime Monfort (Bel) RadioShack-Nissan 0:16:50
27 Thomas Peterson (USA) Garmin-Barracuda 0:21:25
28 Morris Possoni (Ita) Lampre – ISD 0:21:49
29 Martin Elmiger (Swi) AG2R La Mondiale 0:22:16
30 Linus Gerdemann (Ger) RadioShack-Nissan 0:22:33
31 Dario Cataldo (Ita) Omega Pharma – QuickStep 0:23:35
32 Matteo Montaguti (Ita) AG2R La Mondiale 0:23:45
33 Bauke Mollema (Ned) Rabobank Cycling Team 0:26:17
34 Marcus Burghardt (Ger) BMC Racing Team 0:27:30
35 Peter Velits (Svk) Omega Pharma – QuickStep 0:29:27
36 Alexandr Kolobnev (Rus) Katusha Team 0:29:58
37 Volodymir Gustov (Ukr) Team Saxo Bank 0:30:02
38 Rubens Bertogliati (Swi) Team Type 1 – Sanofi 0:30:35
39 Andreas Klöden (Ger) RadioShack-Nissan 0:31:06
40 Tom Jelte Slagter (Ned) Rabobank Cycling Team 0:31:15
41 Moreno Moser (Ita) Liquigas-Cannondale 0:31:52
42 Jose Joaquin Rojas Gil (Spa) Movistar Team 0:31:55
43 Martin Kohler (Swi) BMC Racing Team 0:35:06
44 Stephen Cummings (GBr) BMC Racing Team 0:35:13
45 Sergio Miguel Moreira Paulinho (Por) Team Saxo Bank 0:38:14
46 Lars Petter Nordhaug (Nor) Sky Procycling 0:38:24
47 Fabian Wegmann (Ger) Garmin-Barracuda 0:38:53
48 Georg Preidler (Aut) Team Type 1 – Sanofi 0:39:40
49 Timothy Duggan (USA) Liquigas-Cannondale 0:42:33
50 Vladimir Karpets (Rus) Movistar Team 0:42:49
51 Manuele Mori (Ita) Lampre – ISD 0:43:41
52 Damiano Cunego (Ita) Lampre – ISD 0:44:44
53 Laurent Didier (Lux) RadioShack-Nissan 0:44:53
54 Brent Bookwalter (USA) BMC Racing Team 0:47:12
55 Salvatore Puccio (Ita) Sky Procycling
56 Johnny Hoogerland (Ned) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team 0:48:51
57 Maarten Wynants (Bel) Rabobank Cycling Team 0:49:17
58 Allan Davis (Aus) Orica GreenEdge Cycling Team 0:50:07
59 Marco Marcato (Ita) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team 0:50:08
60 Marzio Bruseghin (Ita) Movistar Team 0:51:40
61 Mathew Hayman (Aus) Sky Procycling 0:52:22
62 Xabier Zandio Echaide (Spa) Sky Procycling 0:53:40
63 Grégory Rast (Swi) RadioShack-Nissan 0:55:07
64 Alessandro Bazzana (Ita) Team Type 1 – Sanofi 0:55:56
65 Peter Sagan (Svk) Liquigas-Cannondale 0:56:00
66 Javier Megias Leal (Spa) Team Type 1 – Sanofi 0:56:59
67 Daniel Oss (Ita) Liquigas-Cannondale 0:58:40
68 Juan Horrach Rippoll (Spa) Katusha Team 1:00:35
69 Ruben Perez Moreno (Spa) Euskaltel-Euskadi 1:02:20
70 Alex Howes (USA) Garmin-Barracuda 1:02:48
71 Guillaume Bonnafond (Fra) AG2R La Mondiale 1:03:47
72 Lucas Euser (USA) Spidertech Powered By C10 1:04:26
73 Sébastien Minard (Fra) AG2R La Mondiale 1:05:08
74 Vladimir Isaichev (Rus) Katusha Team 1:05:40
75 Grischa Niermann (Ger) Rabobank Cycling Team 1:07:47
76 Raymond Kunzli (Swi) Spidertech Powered By C10 1:11:04
77 Stuart O’Grady (Aus) Orica GreenEdge Cycling Team 1:12:36
78 Alexander Efimkin (Rus) Team Type 1 – Sanofi 1:13:47
79 Romain Sicard (Fra) Euskaltel-Euskadi 1:15:37
80 Lloyd Mondory (Fra) AG2R La Mondiale 1:16:47
81 Kris Boeckmans (Bel) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team 1:18:34
82 Julien Berard (Fra) AG2R La Mondiale 1:19:50
83 Troels Ronning Vinther (Den) Team Saxo Bank 1:21:28
84 Matteo Trentin (Ita) Omega Pharma – QuickStep 1:21:51
85 Nikita Novikov (Rus) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team 1:23:30
86 Brian Vandborg (Den) Spidertech Powered By C10 1:23:57
87 Michael Morkov (Den) Team Saxo Bank 1:26:48
88 Caleb Fairly (USA) Spidertech Powered By C10 1:37:43
89 Luca Paolini (Ita) Katusha Team 1:39:14
90 Guillaume Boivin (Can) Spidertech Powered By C10 1:44:55
91 Pablo Urtasun Perez (Spa) Euskaltel-Euskadi 1:46:43
92 Ryan Anderson (Can) Spidertech Powered By C10 1:48:18
Equipas:
1 Astana Pro Team 107:46:30
2 Rabobank Cycling Team 0:06:48
3 Euskaltel – Euskadi 0:08:33
4 AG2R La mondiale 0:17:42
5 RadioShack-Nissan 0:22:47
6 BMC Racing Team 0:25:09
7 Katusha Team 0:25:24
8 Movistar Team 0:28:46
9 Sky Procycling 0:31:12
10 Omega Pharma-QuickStep 0:35:41
11 Garmin-Barracuda 0:46:56
12 Team Saxo bank 0:48:12
13 Vacansoleil – DCM Procycling Team 1:01:20
14 Lampre – ISD 1:23:31
15 Team Type 1 – Sanofi 1:25:48
16 Liquigas-Cannondale 1:45:17
17 Spidertech Powered by C10 3:30:12

21 thoughts on “Rui Costa conquista na Volta a Suíça”

  1. Desde criança, agora tenho 60 anos, que aprendi a gostar de ciclismo e futebol. Hoje perfiro um directo de TV, de uma etapa de ciclismo das grandes provas mundiais, a um grande jogo de futebol. O ultimo grande espectaculo a que assisti foi de facto a estas duas ultimas etapas da volta á Suiça (na net), devo dizer que, ver o Rui Costa ser respeitado por grandes ciclistas de varias nacionalidades foi um enorme orgulho. Os meus parabéns ao Rui Costa pelo bonito espectáculo que me proporcionou. Dentro de 3 ou 4 anos acredito que o vou ver nos cinco primeiros da volta a França.

  2. Depois de Agostinho, o maior feito de um ciclista português no estrangeiro e certamente o acontecimento desportivo mais importante das últimas décadas no desporto nacional. Foi triste ver o tempo que a comunicação social dedicou a um jogo de futebol de um desporto que nunca ganhou nada a nivel de seleções…

  3. Grande Rui!A levar mais uma vez bem alto as cores de Portugal. Uma palavra de apreço também para o Valverde que mostrou grandeza e humildade ao trabalhar incansavelmente para o nosso Rui. Pena que esta magnífica vitória seja como sempre ofuscada pelo futebol. Por muito contente que todos estejamos com a vitória de Portugal, custa imenso que o feito do Rui Costa passe para 2º plano nos meios de comunicação.

  4. O Rui Costa só demonstrou ao resto do mundo aquilo que qualquer seguidor assíduo de ciclismo já sabia que ele seria capaz.
    De qualquer maneira a noticia mais triste é que ainda não vi este feito imenso do ciclismo português noticiado na televisão…
    Parabéns Rui Costa.

  5. Não tenho palavras para descrever o orgulho que tenho pelo Rui Costa! Vitória sensacional. Espero que esta vitória mude a mentalidade de muito boa gente!!

  6. Pena que a imprensa de hoje só esteja virada para o Portugal-Holanda de futebol. Isto é histórico; tirando os top-10 de Agostinho e Azevedo no Tour não vejo nada de mais relevante no ciclismo português. E bem que a modalidade precisa de ‘doping’ destes. E trata-se de um ciclista ainda em evolução que ainda não atingiu a sua plena maturidade. Justifica a afirmação de Manuel Correia, seu antigo treinador, que disse que Rui Costa foi o melhor ciclista que alguma vez orientou. Estar numa boa equipa também ajuda e o Rui teve a sorte e a arte de conseguir dar o salto. Referência também para o papel fundamental de Valverde nesta vitória, ele que obteve a sua primeira vitória como profissional em Portugal pela Kelme no GP J.Agostinho. Parabéns!

  7. FANTASTICO RUI COSTA! MUITOS PARABÉNS! Deste-nos uma grande alegria em vencer uma grande volta, não é uma volta qualquer é o Tuor da Suisse. És um grande corredor, tanto a rolar como em contra relógio, ou em alta montanha. Deixas-te o povo portugues orgolhoso por mais este grande feito, temos de nos render a este grande atleta, e a esta grande vitoria. OBRIGADO AO RUI COSTA, À EQUIPA MOVISTAR, e muito especial ao ALEJANDRO VALVERDE E AO TREINADORE e restante staf. Todos estão de parabéns por confiarem num homem que realmente nos soube honrar a todos com esta grande vitoria, numa prova recheada de tão grandes vedetas do ciclismo mundial. MAIS UMA VEZ, OBRIGADO por esta grande vitoria RUI COSTA.

  8. Que esta vitória faça com qua alguma das grandes empresas nacionais tenha a ousadia de parocinar uam equipa profissional portuguesa que agregue os melhores ciclistas portugueses e que eleve o nome de Portugal aos quatro cantos do mundo.
    Parabéns Rui Costa!!!

  9. Tive o grande privilégio de assistir ontem e hoje, duas vezes hora e meia de grande espectáculo de ciclismo. Tenho a certeza de que por melhor que seja o jogo de futebol Portugal-Holanda, daqui a 1 horas, não vai ser melhor do que esta ultima etapa da volta á Suíça. Rui Costa é já um Campeão e ganhou a minha simpatia. As suas vitórias revelam classe e muita inteligência e acredito que se continuar a evoluir, dentro de pouco tempo ultrapassará o palmarés de J. Agostinho. Quanto á divulgação destes feitos por parte da nossa comunicação social, é o que se vê (não se vê nada), o futebol e a crakomania ainda vai contando muito e dá de comer a muito malandreco.

  10. Foi ciclista e como amigo do rui e da carla, estive sempre a torcer pelo nosso valente rui, pena naose ver as televisoes falarem . Bem haja rui do Teu amigo jose carlos , favoravel

  11. Caramba nem acredito, torci como nunca – RUI COSWTA SENSACIONAL foi grande do começo ao fim do Tour de Suisse PARABÉNS RUI.
    Sé quem é imigrante (em particular os “suiços”) sabem do orgulho de ver um dos nossos no topo mais alto do Pódio tendo o seu nome divulgado para o mundo inteiro. Rui não ganhou uma volta qualquer ele ganhou o Tour da Suiça uma das mais importantes provas do mundo e ganhou de forma brilhante, com raça e muito talento.
    Obrigado à equipe Movistar, ao Alejandro Valverde.
    E nós portugueses do outro lado do Atlântico apaixonados do ciclismo nos sentimos orgulhosos do feito deste extraordinário atleta que ainda nos vai dar num futuro muito próximo muitas e muiras alegrias. OBRIGADO RUI – MUITO OBRIGADO – PORTUGAL ESTÁ ORGULHOSO.

  12. Parabéns Rui… É de louvar atletas como tu!!! Viva o ciclismo… só é pena não podermos ver na televisão.. Ah! É só futebol… enfim.

  13. Parabéns Rui.Nós aqui na Suiça temos vibrado com as tuas vitórias.Mostra a esses meninos do futebol que com humildade e trabalho se consegue ganhar.Vou aguardar a abertura do telejornal,porque isto é um feito de nivel Mundial.

Os comentários estão fechados.