Koldo Gil já não quer ser profissional e termina carreira

 

Koldo Gil, corredor de nacionalidade espanhola do país basco, anunciou a intenção de terminar a carreira, numa entrevista concedida ao Diario de Navarra, na qual revela “a falta de ânimo para seguir no ciclismo a qualquer preço”. Gil, 31 anos, correu em 2008 pela Liberty Seguros, que o dispensou no final de temporada, malgrado uma vitória – conseguida no alto do Montejunto, no GP Joaquim Agostinho – e o quinto lugar na Volta a Portugal, competição na qual foi um dos apoios de Rui Sousa e Hector Guerra.

Koldo Gil ganhou ainda a geral da Volta as Asturias e Subida a Naranco, em 2007, feitos que o levam a considerar, no final, que deixa o ciclismo “satisfeito com a carreira” que fez, salienta.

Fonte: Diário de Navarra (via Biciclismo)