Luta de sprinters na Austrália

A época velocipédica de alto nível abre a toda a velocidade ou não fosse o Tour Down Under, a disputar na Austrália de 18 a 23 de Janeiro, uma corrida desenhada para sprinters. E os melhores especialistas do mundo estão pré-inscritos.

O lote de homens rápidos que deverão alinhar à partida chega quase às duas dezenas. As atenções estarão centradas na luta entre dois antigos colegas de equipa desavindos, o alemão André Greipel, agora na Omega Pharma-Lotto, e o britânico Mark Cavendish, sempre fiel à HTC-Highroad, que se apresenta com outros homens rápidos, como Mark Renshaw e Bernard Eisel.

A RadioShack, que será dirigida por José Azevedo, também conta com um triunvirato de velocistas, o português Manuel Cardoso, que já sabe o que é ganhar nesta corrida, e as recentes aquisições Robbie McEwen e Robert Hunter.

A Garmin-Cervélo vai apostar em Tyler Farrar e Julien Dean, ao passo que a Sky inscreveu Gregory Henderson e Christopher Sutton. Outros corredores a seguir com atenção no Tour Down Under são Graeme Brown (Rabobank), Allan Davis (Astana), Stuart O’Grady (Leopard-Trek), Francesco Chicchi e Geral Ciolek (Quick Step), Juan José Haedo e Baden Cooke (Saxo Bank-Sungard).

O português Bruno Pires, com um perfil pouco dado a provas discutidas ao sprint, também estará em liça, estreando-se pela Leopard-Trek.

Antes do Tour Down Under, corre-se, já no domingo, 16, o Critério Cancer Council, apenas 51 quilómetros para desentorpecer as pernas e abrir o apetite para os dias seguintes.

6 thoughts on “Luta de sprinters na Austrália”

  1. a liquigas nao contratou ninguem de especial!!contratou capecchi,borghini,wurf,duggan,nerz,ponzi etc.
    pessoalmente a liquigas vai depender do sagan,sabatini,baso e nibali!!
    gostava de ver o szmyd como lider numa grande volta mas é impossivel´
    a geox,provavelmente,nao vai ao tour :(,noticia no site velo-club

  2. o griepel na vai dar hipotese nenhuma… ganha limpinho outra vez. e o manel se estiver fino limpa aquela etapa outra vez com a chegada mais durinha.

  3. acho k a liquigas este ano esta um bocado desfalcada, já k sai de lá o chicchi, o benatti e, principalmente, o kreuziger. Nao sei é se em contrapartida, ela se reforçou com outras estrelas.

    mto boa sorte para os portugueses que vao realizar esta prova, e todas as que ai vêm.

Os comentários estão fechados.