Radioshack confirma saída de Steegmans

steegmans

Gert Steegmans estará de regresso à Quick Step deixando para trás uma época aziaga na RadioShack que confirmou hoje a provável saída do sprinter belga, o mais rápido do plantel da formação norte-americana em 2010. A saída de Steegmans é o culminar de uma época desastrosa que praticamente iniciou com uma fractura de clavícula enquanto competia no Paris-Nice. Sem qualquer vitória na temporada, Steegmans abandona o projecto de Johan Bruyneel deixando a liderança da equipa nos sprints praticamente entregue ao português Manuel Cardoso. O pacense, que iniciou a sua época 2010 no Tour Down Under com uma vitória de etapa, deverá ter liberdade total na hora de sprintar facto que lhe deverá valer o apoio dos seus colegas na busca pelas vitórias. Outro sprinter experiente, o lituano Tomas Vaiktus irá alinhar por outras cores – Astana – reforçando o estatuto de velocista credenciado que o campeão nacional de 2009 ostentará em 2011.
Steegmans não participa mesmo no estágio da presente temporada que hoje se iniciou em Calpe (Valência).”O Gert deverá deixar a equipa. Ele não se encontrava satisfeito na RadioShack e, temos que reconhecer, também não estavámos satisfeitos com ele”, referiu Philippe Maertens, porta-voz da formação norte-americana citada pelo diário belga Sporza.

11 thoughts on “Radioshack confirma saída de Steegmans”

  1. perdão:
    o meu comentário deveria ser”depois do manuel o ciclista mais rápido a equipa fica a ser o geoffroy lequatre mas a mt………..” e nao”depois do manuel o ciclista mais rápido a equipa fica a ser o gert steegmans mas a mt………..”

  2. Digam o que disserem até agora o Steegmans deu mais provas que o M.Cardoso no entanto é uma oportunidade de ele brilhar.
    Quem perde é a Radioshack, nem sempre a época corre de feição. 

  3. Devem estar todos queimadinhos. Acham mesmo que o Manuel Cardoso vai ganhar alguma coisa naquela equipa? Além de não ter lançador a prioridade da equipa será sempre outra. Essa coisa dos Portugueses irem todos para a RadioShack é péssimo, se tivessem espalhados podiamos ter vários Portugueses nas grandes competições, assim teremos um (ou mesmo nenhum).

  4. A Radioshack que venha buscar o Edgar Pinto para lançador do Manel Cardoso, é um sprinter jovem e com valor que até já foi colega do Manel na Liberty. Era uma boa jogada.

  5. depois do manuel o ciclista mais rápido a equipa fica a ser o gert steegmans mas a mt………..

  6. Na minha opinião penso que esta noticia é má para o Manuel Cardoso, pois acaba de perder um dos melhores lançadores dos ultimos 5 anos ( para quem acompanha o ciclismo a pouco tempo) O Steegmans antes da era Cavendinh , ele era o lançador do agora menos velós Tom Bonnen.

    Por outro lado a RadioShack deveria ter outro sprinter (Juntamente com o Manuel)

  7. O motivo será provavelmente o mesmo por que os resultados também não estão publicados no site da federação, na área de resultados oficiais. Ainda não nos chegaram.

  8. Gostaria de perguntar ao jornal de ciclismo , como e possivel saber todas estas noticias nao hora.
    Qual o motivo que os leva a não publicar a noticia Nacional do Ultimo fimde semana
    CAMPEONATOS NACIONAIS DE PISTA
    Noticia , Resultados, Partecipantes Ect.

  9. claro que é positivo para qq sprinte haver menos outro sprinter na equipa as oportunidades para o Manel serão mais , automaticamente apostarão mais nele nas classicas e nas corridas de uma semana por exemplo, penso que seja uma noticia positiva para o Manel. que tenha sorte e aproveite.

  10. Penso que o Steegmans podia ajudar o Manuel mas sendo assim o Manuel nao ira ter ninguem para o ajudar no sprint.

Os comentários estão fechados.