Fabian Cancellara confirmado na equipa do Luxemburgo

O suíço Fabian Cancellara, campeão mundial e olímpico de contra-relógio, assinou um contrato de três anos com o Luxembourg Pro Cycling Project, popularmente designado como “equipa dos irmãos Schleck”. Spartacus, alcunha por que é conhecido o contra-relogista e classicómano, é a derradeira contratação da nova formação da primeira divisão internacional, na qual terá como colega de equipa o português Bruno Pires.

“Tinha várias opções interessantes, mas sabia que o projecto do Luxemburgo apresentava todos os ingredientes de que necessito para continuar a melhorar. É uma mistura única de personalidades que me são familiares com um novo ambiente, o que assegura a continuidade e, simultaneamente, incute uma nova motivação para fazer deste o projecto com maior sucesso no ciclismo”, afirma o ciclista.

Fabian Cancellara manterá em 2011 os objectivos cuja concretização fazem dele um dos homens mais respeitados do pelotão: a conquista de mais monumentos do ciclismo. Adicionalmente, o suíço quer “fazer parte da equipa vencedora do Tour, uma das mais maravilhosas realizações a que um corredor pode aspirar”.

“Assinando com um ciclista como Cancellara, adicionamos à equipa um dos mais importantes atletas e personalidades do ciclismo profissional. Ele traz-nos uma quantidade impressionante de profundidade e de qualidade. Estamos muito orgulhosos de tê-lo a bordo”, declara o director da equipa, Brian Nygaard.

Com a entrada de Fabian Cancellara, o bloco luxemburguês, cuja designação final ainda se desconhece, completou um elenco de 25 corredores: Andy Schleck, Frank Schleck, Fabian Cancellara, Jakob Fuglsang, Dominic Klemme, Anders Lund, Jens Voigt e Stuart O’Grady (Saxo Bank), Daniele Bennati e Oliver Zaugg (Liquigas-Doimo), Will Clarke (estagiário Ag2r La Mondiale), Stefan Denifl (Cervélo Test Team), Brice Feillu e Martin Mortensen (Vacansoleil), Linus Gerdemann e Fabian Wegmann (Team Milram), Maxime Monfort (HTC-Columbia), Giacomo Nizzolo e Martin Pedersen (Footon-Servetto), Bruno Pires (Barbot-Siper), Joost Posthuma e Tom Stamsnijder (Rabobank), Davide Vigano (Team Sky), Robert Wagner (Skil-Shimano) e Wouter Weylandt (Quick Step).

Foto: ASO

19 comentários a “Fabian Cancellara confirmado na equipa do Luxemburgo”

  1. O que tinha sido avançado era um rumor, que todos sabiam ser mais do que isso. Mas a confirmação só agora chegou.

  2. Tal e qual! O que disse o Bruno é verdade. A notícia já tinha sido avançada há algum tempo atrás.

  3. Ainda sobre o Luxemburgo, apenas para adicionar o nome de François Faber, vencedor do “Tour” de 1909, além de vários “top ” 10 na “Grande Boucle”. Uma emenda no nome do grande Nicholas Frantz (no “post” anterior faltava o “t”). Com os meus melhores cumprimentos. António de Oliveira.

  4. Força Luxemburgo! Um pequeno país muito bem organizado e próspero, amante do ciclismo e com uma longa história de sucessos na modalilidade (Nicholas Franz, Charly Gaul, Johny Schleck), surge agora, na hora certa, com uma aposta forte numa equipa representativa do país. Soube agora aproveitar o capital desportivo dos jovens Schleck como uma empresa que pode projectar o grão-ducado na cena internacional. Fabian Cancellara era o treunfo que faltava para as vitórias nas clássicas, que acrescentam prestígio e popularidade. Espero que o Bruno Pires se consiga afirmar nesta equipa, que conta ainda com mais dois portugueses na sua estrutura.
    Enfim, um projecto sólido e com grande qualidade que, faço votos, alcance um grande sucesso neste e nos próximos anos. “Chapeau”, pois, para o Luxemburgo!

  5. Era uma contratação há muito esperada e anunciada, só não se percebe o porquê de tanto adiamento.

  6. O reforço que faltava a equipa dos Schleck’s!
    Esta equipa sera bastante forte tendo ciclistas para todas as variantes do ciclismo.
    Tem os irmaos Schleck para tentarem vencer grandes voltas e ainda na montanha tem outros ciclistas fortes como o Fuglsang , Brice Feillu Monfort ou Gerdemann.
    Cancellara sera o lider nas classicas do pavés e tera importante ajuda de Voigt e O’Grady.
    Com um bocado de sorte ainda tem o Bennati a discutir algumas etapas das grandes voltas ao sprint e algumas provas ao sprint.

    Grande equipa este Luxemburgo Pro Cycling Team!

  7. Que grande contratação para a Luxembourg Pro Cycling Project para o ano poucos lhe irão fazer frente.Boa sorte Cancellara já agora na aposta das bikes quem perde é a specialized para a trek.

  8. Apesar de esta equipa estar bastante bem construída, acho que tem um grande defeito, pois para as grandes voltas só os irmãos Sclheck.

  9. Tanto os irmãos como o Cancellara se sentem uma divida mutua pois já venceram muita coisas juntos. fico contente por ve-lo nesta equipa. Pro ano vai ser lindo 😀 

  10. isto e uma super equipa e com o sprinter que esperemos em melhor forma na proxma epoca

Os comentários estão fechados.