Riccardo Riccò vence Coppa Sabatini

O italiano Riccardo Riccò conquistou hoje a primeira vitória ao serviço da Vacansoleil, impondo-se na Coppa Sabatini, uma corrida de 199 quilómetros. Riccò bateu o companheiro de equipa Marco Marcato e Leonardo Betagnolli (Androni-Diquigiovanni), que ocuparam os postos seguintes.

Em França também se disputou hoje uma prova de um dia, o Paris – Bourges. O gaulês Anthony Ravard (Ag2r) foi o mais rápido no termo dos 193,3 quilómetros, seguido pelo compatriota Romain Feillu (Vacansoleil) e pelo dinamarquês Matti Breshel (Saxo Bank).

7 comentários a “Riccardo Riccò vence Coppa Sabatini”

  1. Tambem nao gosto nada da personalidade deste senhor mas e um ciclista interessante!
    Se nao se tivesse dopado poderia ser um dos melhores ciclistas da actualidade penso eu mas pronto ele preferiu seguir o caminho que nao devia.

    Pensei que estava suspenso por terem encontrado cerca de 50 comprimidos em sua casa mas afinal esta a correr…
    Parabens pela vitoria , a 1ª na Vacansoleil.

  2. Comentar ambas as provas, e os resultados de cada uma (a noticia é sobre isso), Zero… Compreendo, é mais difícil!

  3. Como em tudo na vida só gosta quem quer, e eu gosto (bastante) deste ciclista que pode vir a dar muito espectáculo nas próximas épocas. Espero que a chama das vitórias se mantenha acesa na próxima época. Gostava de o ver o no Giro e na Volta ao Algarve. Vamos ver…

  4. Realmente a personalidade do Ricco tambem não me agrada. Tambem penso que terá mais cedo ou mais tarde outro controlo positivo Só espero que não afecte novamente nenhuma competição. (melhor era não acusar)

  5. Não gosto nem da personalidade, nem do caracter deste Ricco, espero que seja só imaturidade, e que isso passe com o crescimento, que tenha sempre bem presente que esta, é uma nova oportunidade, e que perca aquela arrogancia e o esvazie aquele egozinho ridiculo que tinha, para que não volte a fazer asneiras, que cá entre nós, não me admirava nada que o fizesse, visto ele ser como um esteio.
    Mas bom! São as regras, porque se fosse eu a fazer as regras, este era outro, que nunca mais corria. Tal como o Benta, espero que estes erros, não sejam mais que impetos da adolescencia.
    Os mais espertos aprendem com os erros dos outros, os menos capazes de pensar, têm de se queimar para aprender.

  6. eu gosto imenso do ricco,mas ele nao tinha sido suspendido por terem encontrado uma coisa qualquer??

  7. Mais um que devia ter sido irradiado para sempre. Quando voltará a ser apanhado?

Os comentários estão fechados.