Nelson Oliveira terceiro no Tour do Futuro

Nelson Oliveira foi um dos mais activos na fuga
Nelson Oliveira foi um dos mais activos na fuga

O português Nelson Oliveira foi hoje o terceiro classificado na quinta etapa da Volta a França do Futuro, ganha pelo alemão John Degenkolb, um dos companheiros de escapada do corredor luso. O belga Yannick Eijssen conserva a camisola amarela.

Se o dia correu bem a Nelson Oliveira, foi mais uma jornada de pesadelo para Amaro Antunes. O algarvio sofreu duas quedas durante a viagem, somando muitas escoriações às marcas que já trazia no corpo desde a terceira etapa. O trepador luso caiu antes do quilómetro 40 e voltou a arrastar o corpo pelo asfalto perto da entrada nos derradeiros dez quilómetros. Depois do banho no hotel, Amaro Antunes regressa ao hospital, pois há feridas que podem necessitar de sutura, especialmente um golpe no queixo. Joni Brandão e Domingos Gonçalves também não têm motivos de satisfação, uma vez que desistiram.

Em declarações ao Jornal Ciclismo, o seleccionador nacional, José Poeira, adiantara, no final da terceira etapa, que Nelson Oliveira iria tentar recuperar numa fuga algum do tempo perdido na montanha. O chefe-de-fila português não desiludiu os planos do técnico e hoje conseguiu cortar a meta, em Loriol-sur-Drôme, com 38 segundos de vantagem sobre o grupo principal, o que lhe permitiu ascender à 17.ª posição da geral, a 2m16s do primeiro e apenas a 51 segundos do décimo, o que deixa em aberto a entrada nos dez melhores, que é o objectivo nacional.

A corrida começou a tomar forma pouco depois da saída de Vals-les-Bains. Ainda não estavam percorridos 30 dos 153 quilómetros da jornada quando Nelson Oliveira partiu do pelotão na companhia de John Degenkolb (Alemanha), Yoann Barbas (França B), Jesús Herrada (Espanha), Benjamin King (Austrália), Jan Tratnik (Eslovénia) e Arkimedes Arguelyes (Rússia). A entreajuda dos fugitivos contou com a oposição do pelotão, onde se deu uma conjugação de esforços de três selecções. “Os belgas defendiam a camisola amarela de Yannick Eijssen, os holandeses tentavam anular a iniciativa devido à presença de um esloveno, rival directo na classificação da Taça das Nações, e os britânicos não se percebeu o que procuravam”, explica José Poeira.

O labor do pelotão esteve prestes a acabar com a fuga, mas os homens mais fortes da frente da corrida insistiram na subida de terceira categoria, instalada a 12,5 quilómetros da meta, e lograram recuperar vantagem, batendo os perseguidores. Na disputa da tirada, John Degenkolb foi o mais veloz, bisando na corrida, pois já vencera a primeira etapa. Jesús Herrada foi segundo e Nelson Oliveira terceiro, com o português a um segundo do alemão. O grupo dos favoritos chegou 39 segundos após o primeiro.

Na geral, Yannick Eijssen continua à frente, com 17 segundos sobre os adversários mais directos, o francês Romain Bardet e o colombiano Jarlisson Pantano.

“Foi pena mais estas azares do Amaro Antunes, que só não está a lutar pelos primeiros lugares por causa das quedas. Quanto ao Nelson Oliveira fez uma excelente corrida, numa etapa demolidora, porque foi atacada desde o quilómetro inicial e porque atravessou subidas duras e descidas muito perigosas”, avalia José Poeira, que assistiu, tal como toda a caravana, a uma situação insólita. Sensivelmente a meio do percurso, uma árvore tombou sobre a estrada. Os fugitivos ainda conseguiram contornar o obstáculo, mas o pelotão ficou retido. Por via disso, a corrida esteve interrompida. Quando foi retomada, os escapados partiram 1m20s antes do pelotão, vantagem que detinham no momento da interrupção.

As duas etapas que faltam para o final da Volta a França do Futuro são duríssimas. Amanhã corre-se a sexta tirada, 204 quilómetros entre Saillans e Risoul. A meta coincide com um prémio de montanha de primeira categoria, mas toda a viagem é ondulada, contando com mais uma subida de primeira, uma de segunda e três de terceira. Tudo isto na véspera de uma crono-escalada de 13,5 quilómetros que irá decidir a competição.

CLASSIFICAÇÕES
5.ª Etapa: Vals-les-Bains – Loriol sur Drôme, 153 km
1º John Degenkolb (Alemanha), 4h01m13s
2º Jesús Herrada (Espanha), mt
3º Nelson Oliveira (Portugal), a 1s
4º Benjamin King (Austrália), mt
5º Jan Tratnik (Eslovénia), mt
6º Michael Matthews (Austrália), a 38s8
7º Luke Rowe (Grã-Bretanha), a 39s
8º Sylvester Jansewski (Polónia), mt
9º Blaz Furdi (Eslovénia), mt
10º Vicente García de Mateos (Espanha), mt
48º Amaro Antunes (Portugal), a 1m57s
49º Guilherme Lourenço (Portugal), mt

Geral Individual
1º Yannick Eijssen (Bélgica), 20h29m58s
2º Romain Bardet (França B), 17s
3º Jarlinson Pantano (Colômbia), mt
4º David Rosch (Alemanha), a 45s
5º Tom Jelte Slagter (Holanda), a 54s
6º John Degenkolb (Alemanha), a 1m05s
7º Thomas Bonnin (França A), a 1m14s
8º Nairo Quintana (Colômbia), a 1m17s
9º Mikel Landa (Espanha), a 1m19s
10º Darwin Atapuma (Colômbia), a 1m25s
17º Nelson Oliveira (Portugal), a 2m16s
21º Amaro Antunes (Portugal), a 6m16s
42º Guilherme Lourenço (Portugal), a 22m01s

Foto: ASO/P. Perreve

22 comentários a “Nelson Oliveira terceiro no Tour do Futuro”

  1. Parabens grande Nelson. Mas acho que melhor ainda esta o ciclista Amaro Antunes. Depois da queda que teve ainda faz um resultada nada mau. Esta uma mota este ciclista. Se continua assim, poucos vao ser em portugal que o vao conseguir segurar. Parece uma mota

  2. lol…..eu bem gostava de ter alguem na familia ligado ao ciclismo mas nao tenho…..so eu é que me vou ligar ao ciclismo pois irei entrar para a modalidade.

  3. Eu Sou Familia da familia do Pistoleiro nao gostas tambem de ser da familia do pistoleiro….Dor de cotovelo doi haaa ???

  4. O engraçado isto aqui, é que eu não conheço nem os comentadores, nem a maior parte do ciclistas em questão, mas noto muita parcialidade, estou certo que tanto conhecimento advem de familiares, ou treinadores, ou colegas ciclistas, mas parece tão mal virem paraqui fazerem passar por simples adeptos da modalidade, é uma mão para apontar, e outra para esconder a cara.
    Ainda estão a discutir a convoctoria e a prova ja vai quase no fim!!!.

  5. Oh Excelentissimo SR.LUIS PEREIRA voce so deve ter os olhos bem abertos que nao fez nada este ano…ENTAO VAI A LÁ VER O CURRICULO DELE E PARE DE MANDAR BOCAS FOLEIRAS.
    NA ESPANHA NAO FEZ NADA? NUM PREMIO DE SANTA MARIA DA FEIRA NAO FEZ NADA?EM MORTAGUA NAO FEZ NADA? E NADA FEZ MAIS?

    E OLHE NINGUEM EM PORTUGAL ALGUM DIA GANHOU 1 ETAPA NA VOLTA Á PALENCIA..

    E VEIJAO LA SE MODERAO ESSA LINGUAGEM E APOIEM MAIS OS CORREDORES DA SELECÇAO NACIONAL PORTUGUESA!!!

    SO FALA OMAL DELES DEVEM SER ESTRAGEIROS NAO?!!?

    XAU PAH

  6. Parabéns, Nélson!
    Até agora, e falando de ciclistas portugueses, só o Rui Costa conseguiu fazer melhor numa corrida dessas….

    MUITO BOM. Força 🙂

  7. e o que eu quis dizer é que o amaro antunes é dos ciclistas mais combativos que esta nos sub-23, nao disse que o tava a mostrar este ano mas sei que o ira mostrar nos proximos…..nao nos podemos esquecer que esta no seu primeiro ano de sub-23

  8. SR.Luis Pereira..nos escalões mais jovens o Amaro foi dos ciclistas que mais ganhou provas e etapas e isso foi porque atacou muito e lutou muito, um ciclista nunca muda a sua forma de correr….e ele e dos que tem mais garra dentro do pelotão….logo o amaro pode ainda nao tar a ter o sucesso que teve nos anteriores escalões mas acabara por se afirmar como dos melhores senão o melhor daqui a uns anos…. e nao me diga que vai dizer que o amaro nao atacou muito nos anteriores escalões? e so nao o faz este ano porque ainda se esta a habituar a mudança de escalão.

  9. Caro Serraceno  PORQUE NAO VAIS TU PARA A FEDERAÇAO?

    QUEM QUERIAS QUE FOSSE A SELECÇAO?

  10. Voces e a mania de criticar tudo e todos,tenham um pouco de bom senso,complicado ja e,nao e a volta a freguesia,e uma prova de alto gabarito,mesmo para jovens promesas,as quedas lamentavel-mente fazem parte e mossa ja agora,nao e uma prova facil e mto menos todos doridos devido as varias quedas,o Nelson esta a fazer uma boa prova,mas nao esqueçam que nao “tem” colegas de equipa em numero nem em condiçoes adecuadas para continuar a rolar,por isso mesmo vai continuar a nao ser facil,mas e normal do seleccionador esperar o melhor dele,assim como eu tb assim o espero,mas ter so 2 colegas a ajudar nao vai ser canja,por tanto nao e boa ideia vir ca a fazer comentarios de sanitario em relaçao ao selecionador ou atletas envolvidos,tenham nivel e tento nos dedos e sejam solidarios e tenham respeito para quem nos representa com muito esforço sacrificio e dor.

  11. Esta e a piada do ano, Amaro Antunes dos mais combativos do pelotão de sub – 23? ah ah ah ah ah ah

    Onde foste buscar essa?
    Se a ciclista que em nada e combatico e o Amaro Antunes, mas esta a surprender.me, pois para quem nao andou nada durante a epoca apareceu agora, deve.se ter andado a poupar para esta prova, viva o ciclista mais combativo, e as pessoas que so dizem asneiras

  12. não vou dizer mal , nem bem , mas os melhores ficaram cá . ou seja não foram ou não são selecionados . pois a federação precisava da mesma limpesa da federação portuguesa de futebol . e mais não digo ………………………………………………………………………………..

  13. senhor pistoleiro..eu concordo consigo o amaro antunes nao fosse as quedas que ja teve e estava muito bem posicionado e podia muito bem lutar pelo top-10 pois para mim e dos corredores mais combativos que ha no pelotão sub 23….

  14. Ola muito boas Noites meus caros “Más Linguas”Como Vão vossas excelÊncias???Ora  …Nelson Oliveira, Amaro Antunes, Guilherme Lourenço mais os outros 3 que n sei os nomes que desistiraoAmaro Antunes 2 quedas numa etapa, sai bastante dorido ainda teve de ir ao hospital, devera continuar em prova depende das condições que se sentirá…EM VÊS DER APOIAREM TODOS OS CORREDORES DA SELECÇÃO NACIONAL SÓ FALÃO MAL DE UNS E MAL DOS OUTROS..!!!!AMARO ANTUNES  MUITO TALENTO, MUITA DEDICAÇÃO, SIMPLESMENTE O MELHOR!!!SE NÃO FOSSE AS 3 QUEDAS APARATOSAS E PERIGOSAS  (ATE TEVE DE LEVAR PONTOS NU QUEIXO DE TAO MALTRATADO QUE ESTEVA!!! )E , QUE JÁ ESTEVE NESTE TOUR DO FUTURO ELE JÁ DEVERIA ESTAR NO TOP 10!!!BEM FICEM BEME VEJAO LA SE MODERAO ESSAS LINGUAS MANHOSAS SO SABEM FALAR E MAL DO AMARO ANTUNES!!! 

  15. falavam das “férias” que a selecção feminina foi fazer a França….as diferenças com esta selecção começa a ser poucas….
    E não se façam de virgens ofendidas ou cinismos….
    Realismo…. de seis restam 3,Amaro está mal fisicamente,não se esperará mt melhor,vem aí montanha e o Nelson vai andar para trás….Portugal sai dignificado???Claro que não.Pobre de que se contenta com um top-20….assim não.

  16. Parem dessas bocas foleiras do Nelson e dos atletas que restam e apoiem mais a seleção.E esses treinadores de bancada que levam abc e que acontece e fazem mas no fim nao fazem nada.

  17. Que imagem péssima que Portugal está a passar nesta prova. Apenas tem 3 elementos em prova.
    Culpado? Sr. José Poeira. Causa? Péssimo planeamento da prova. As quedas, todos os dias, são o resultado dos ciclistasandarem na prova com as fitas a abanar.
    Os Atletas não tiveram tempo suficiente para se prepararem para uma prova destas. Todos eles sem excepção valem muito mais do que estão a mostrar.

  18. desculpem me o facto de este ser o terceiro post seguido mas tinha que referir isto…numa das afirmações de Jose Poeira, o selecionador portugues refere, quando estava a falar das equipas que vinham em perseguição a fuga, que nao percebia a razão da Gra-Bretanha estar a trabalhar no pelotão…e aqui vese que tambem nao fez o trabalho de casa sobre os adversarios….e tambem nao era preciso pensar muito…..basta saber que a inglaterra e um pais de velocistas e dada esta chegada poder ser discutida em pelotao compacto nao demorava muito a chegar ao ponto que talvez a Gra bretanha tivesse um homem capaz de triunfar

  19. e já agora quero aqui referir que é uma vergonha o que o selecionador Jose Poeira esta a pedir ao nelson….nao se pode pedir a um contra relogista um top-10 numa prova muito complicada como e a volta a frança do futuro…..e a mesma coisa que pedir ao fabian cancellara fazer um top-10 na volta a frança….a abordagem a prova esta totalmente errada….devia-se dar confiança ao nelson, e deixar que ele tivesse mais liberdade e secalhar sem essa grande pressao a pesar nos ombros do nelson ele era capaz de fazer um bom resultado superando as suas expectativas e ai ganhar confiança, metendo ja uma meta se ele falhar ira se sentir muito desiludido. na minha opinião o seleccionador errou completamente na abordagem a prova tal como na selecção dos elementos.

  20. Senhor Helder MArinho, concordo consigo na parte em que o nelson oliveira esta a fazer uma boa prova e que merece lá estar, mas se formos ver bem, ele ta a fazer o que lhe compete, ele é bom contra relogista e saiuse bem no crono. ele é um razoavel trepador e saiuse com um razoavel resultado na chegada ao alto e e bom rolador e conseguiu entrar na fuga certa. mas a parte de calar gente…so se for gente que nao entende bem a qualidade do nelson e ainda nao percebeu as suas qualidade e especialidades….falta uma chegada ao alto muito complicada onde ele tera que lutar muito para chegar nos vinte primeiros, e o contra relogio de que tanto fala o nosso selecionador é na verdade uma crono escalada complicadissima curiosamente é a mesma subida da 2ºchegada ao alto. portanto se o nelson conseguir ficar no top-10 eu ja fico muito satisfeito

  21. FANTÁSTICO, eis a prova que mais do que ninguem, ele merece lá estar, mas que grande prova ele está a fazer.
    Não fico feliz com o resultado, só porque vai calar aqui muita gente, embora isso tambem me dê muito gozo, mas antes, fico contente por ele estar a provar o seu valor aqueles que ainda duvidavam, e está a criar palmarés que lhe fará muito jeito no futuro, e acima de tudo, porque está a elevar o nome de PORTUGAL, e por isso, ele tambem deve estar felicissimo. Não conheço o trajecto que eles ainda teram pela frente, se ainda há subidas ou não? Porque, se do que ainda falta, o mais importante e a salientar for o contra-relogio, ele ainda tem possiblidades de subir mais na classificação.
    Nota: não tenho nenhum interesse camuflado, não o conheço o N.Oliveira. Muitos Parabéns… 🙂

  22. Grande Nelson . Estas a fazer uma grande Volta a França do futuro.
    A tua regiao tem orgulho em ti!

Os comentários estão fechados.