Mattia Gavazzi é o primeiro líder do Tour de San Luis

Duelo renhido entre Gavazzi e Juan José Haedo
Duelo renhido entre Gavazzi e Juan José Haedo

Mattia Gavazzi (Diquigiovanni-Androni Giocattoli) é o primeiro líder do Tour de San Luis, depois de vencer hoje a primeira etapa da competição argentina, uma tirada de 168,4 quilómtros, entre San Luis e Villa Mercedes. O italiano foi o mais rápido do pelotão, que entrou compacto na recta de meta, batendo os irmãos Juan José Haedo (Saxo Bank) e Lucas Sebastian Haedo (Team Colavitta). O melhor elemento da Palmeiras Resort-Tavira, única equipa portuguesa em prova, foi o galego Alejandro Marque, na décima posição. Krasimir Vasilev no 45º posto e David Blanco em 63º foram os restantes “tavirenses” que conseguiram cruzar a meta com o mesmo tempo do vencedor. João Correia, português da Team Bissell, foi o 71º, também com o mesmo registo de Gavazzi.

Uma queda perto do final provocou alguns cortes e fez com que os ciclistas mais rápidos da equipa lusa, Martín Garrido e Samuel Caldeira, chegassem ao fim a mais de 2 minutos do vencedor. Nelson Vitorino, por sua vez, foi o último classificado na etapa, ocupando igual posição na geral individual. Por equipas, o Palmeiras Resort-Tavira está em 12º entre 21 colectivos.

A corrida foi animada desde cedo. Alejandro Marque (Palmeiras Resort-Tavira) chegou a estar envolvido numa das primeiras escaramuças, mas a fuga do dia haveria de formar-se ainda dentro dos primeiros 40 quilómetros, sendo integrada por cinco elementos: Jesus Rosendo (Andalucia-Cajasur), Ben Maynes (Team Bissell), Josue Moyano (Argentina sub-23), Omar Cervantes (Tekos Trek) e Luis Bravo (Chile A).

Os três elementos da América Latina acabaram por ir ficando para trás, deixando na frente de corrida apenas os representantes das equipas mais fortes, o estadunidense Maynes e o espanhol Rosendo. A aventura acabou por não passar disso mesmo e o pelotão passou a rolar compacto quando faltavam cerca de 20 quilómetros para a chegada a Villa Mercedes, onde o mais rápido foi Mattia Gavazzi.

Comentando a etapa, Martín Garrido (Palmeiras Resort-Tavira) disse que foi uma jornada “tranquila, mas com um sprint muito rápido e muito louco. Houve uma queda a um quilómetro e meio, que me impediu de estar na disputa da vitória”.

Amanhã disputa-se a segunda etapa, uma das mais difíceis da prova. São 174,4 quilómetros entre San Luis La Toma e o Mirador de Potrero. A meta coincide com uma contagem de montanha de primeira categoria e sucede a duas elevações de terceira categoria, que o pelotão irá encontrar durante a viagem. A subida final tem uma extensão de 4,8 quilómetros, com uma inclinação média de 6,7%.

1ª Etapa, San Luis – Villa Mercedes, 168,4 km
1º Mattia Gavazzi (Diquigiovanni-Androni Giocattoli), 4h03m09s (média: 41,555 km/h)
2º Juan Jose Haedo (Saxo Bank), mt
3º Lucas Sebastian Haedo (Team Colavitta), mt
4º Andreas Schillinger (Nutrixxion Sparkasse), mt
5º Murilo Fischer (Liquigas), mt
6º Ruben Bongiorno (Argentina A), mt
7º Luis Mansilla (Chile A), mt
8º Eric Baumann (Nutrixxion Sparkasse), mt
9º David de la Fuente (Fuji-Servetto), mt
10º Alejandro Marque (Palmeiras Resort-Tavira), mt
45º Krasimir Vasilev (Palmeiras Resort-Tavira),mt
55º Ivan Basso (Liquigas), mt
63º David Blanco (Palmeiras Resort-Tavira), mt
71º João Correia (Team Bissell), mt
113º Samuel Caldeira (Palmeiras Resort-Tavira), a 2m32s
114º Martín Garrido (Palmeiras Resort-Tavira), mt
134º Nelson Vitorino (Palmeiras Resort-Tavira), a 6m08s

Geral Individual
1º Mattia Gavazzi (Diquigiovanni-Androni Giocattoli), 4h02m59s (média: 41,583 km/h)
2º Juan Jose Haedo (Saxo Bank), a 4s
3º Josue Moyano (Argentina sub-23), a 5s
4º Lucas Sebastian Haedo (Team Colavitta), a 6s
5º Jesus Rosendo (Andalucia-Cajasur), a 8s
6º Andreas Schillinger (Nutrixxion Sparkasse), a 10s
7º Murilo Fischer (Liquigas), mt
8º Ruben Bongiorno (Argentina A), mt
9º Luis Mansilla (Chile A), mt
10º Eric Baumann (Nutrixxion Sparkasse), mt
12º Alejandro Marque (Palmeiras Resort-Tavira), mt
46º Krasimir Vasilev (Palmeiras Resort-Tavira),mt
56º Ivan Basso (Liquigas), mt
64º David Blanco (Palmeiras Resort-Tavira), mt
71º João Correia (Team Bissell), mt
115º Samuel Caldeira (Palmeiras Resort-Tavira), a 2m32s
116º Martín Garrido (Palmeiras Resort-Tavira), mt
135º Nelson Vitorino (Palmeiras Resort-Tavira), a 6m08s