Héctor Guerra e Isidro Nozal suspensos dois anos

Héctor Guerra deixou de ter motivos para sorrir
Héctor Guerra deixou de ter motivos para sorrir

A União Ciclista Internacional (UCI) revelou hoje uma lista de oito corredores suspensos por dopagem, entre os quais estão os espanhóis Héctor Guerra e Isidro Nozal, castigados devido aos positivos por CERA (EPO de longa duração) num controlo surpresa antes da última Volta a Portugal. Além destes dois ciclistas, também Nuno Ribeiro, companheiro de ambos na Liberty Seguros, acusou a mesma substância, na mesma ocasião, mas o desfecho do seu caso só deverá ser conhecido na próxima semana. O presidente da Federação Portuguesa de Ciclismo, Artur Lopes, afirma que o processo ao português está concluído e que o Conselho Disciplinar deverá revelar a decisão dentro de dias.

Héctor Guerra está sujeito a uma suspensão de dois anos, acrescida de uma multa de 35 mil euros. O compatriota também fica afastado da competição durante dois anos, tendo de pagar 17,5 mil euros de sanção pecuniária. Guerra e Nozal podem voltar a competir no dia 3 de Agosto de 2011.

Os outros ciclistas com castigos confirmados são Thomas Dekker, Mikel Astarloza, Gabriele Bosisio, Alberto Fernández, todos sujeitos a uma penalização de dois anos. Os corredores de ciclocrosse Kacper Szczepaniak e Pawel Szczepaniak foram sujeitos a mão mais pesada, quatro e oito anos, respectivamente.

A UCI avançou ainda com a suspensão provisória do francês Mickael Larpe e do italiano Alessandro Coló. O gaulês acusou EPO num controlo realizado no dia 20 de Março, durante a prova Cholet-Pays de Loire. O transalpino foi “apanhado” com clenbuterol, no dia 25 de Abril, no decurso da Volta ao México. Os processos são agora remetidos para as respectivas federações, que têm a incumbência de abrir os processos. Os dois ciclistas ainda podem pedir a análise da amostra B.

(em actualização)

12 comentários a “Héctor Guerra e Isidro Nozal suspensos dois anos”

  1. Luís, acho que devia de ser ao contrário. Porque eles foram as únicas vítimas, e os outros safaram-se todos (não foram controlados).

  2. Eu acho é que eles deviam pagar essa multa era aos ex.colegas.. graças a esses 3 que a Liberty acabou :@

  3. Acho que existem ciclistas que saíram da extinta Liberty e merecem respeito mas já percebi que aqui vale tudo.Leiam todas as notícias e critiquem só aqueles que fizeram asneiras.Digo eu que simplesmente gosto de ciclismo e não de atacar as pessoas.Lamento tudo o que aconteceu mas são grandes ciclistas que fazem falta ao desporto.Mas volto a dizer:fizeram asneira devem ser castigados.

  4. E o Hector era o meu favorito para a Volta 2009,rapidamente deixou de ser mal começou a Volta,não percebi a razão,depois as vitórias do Nuno Ribeiro,festejos,mt envergonhados,alguma coisa estava para rebentar….e rebentou….O N.Ribeiro vai apanhar 18 meses para voltar em 2011 pela Barbot ou C.C.Loulé….alguém virá para aqui defende-los?….HAJA VERGONHA

  5. no jornal a marca.com, nem o AS falam desta noticia…eles foram julgados pelo regulamento espanhol que prevê maiores sanções, além do mais nem se dignaram a aparecer no processo…

  6. Quanto eles ganhavam não sei, sei é o que dizem os regulamentos. E uma coisa é o que ganham e outra é o que declaram no contrato e a UCI não adivinha se o que ganham é aquilo que está no contrato, penalizando-os pelo que está no papel.

  7. Juvenal, não está correcto. O Guerra não ganhava 50 mil euros, era algo mais, assim como o Nozal.
    Portanto, os valores não se devem a essa percentagem dos rendimentos anuais.

  8. isto das suspensões qualquer dia vai ser banalizado….

    entao N.ribeiro nao vais á volta este ano? “eh pa nao fui suspenso vou daqui a 2 anos cheio de força outra vez” … que ciclo…

  9. Os regulamentos da UCI contra o doping obrigam a uma suspensão e a uma multa no valor de 70% do vencimento anual do ciclista. As diferenças são porque o Guerra ganhava o dobro do que ganhava o Nozal.

  10. alguem me pode explicar porque e que o valor das multas são diferentes? penso que os dois acusaram a mesma substancia…

  11. depois de do zeferino ter dito ( a maia e a melhor ekip de portugal de sempre ) era a vex da liberti kerer dixer o mexmo todos eles sao MERDA E MERDA serao pa vida toda estes caes e ke andao aki a estragar o ciclismo

Os comentários estão fechados.