ASO anuncia as 22 equipas do Tour

Campeão mundial justifica presença e investimento da BMC no Tour
Campeão mundial justifica presença e investimento da BMC no Tour

Uma escolha clássica que valorizou a presença de figuras individuais – como o campeão mundial Cadel Evans ou o vencedor da edição 2008 Carlos Sastre está na base da decisão das equipas que compõem o pelotão da próxima edição da Volta a França. No rol de equipas com lugar pré-definido – um total de 16 esquadrões que em 2008 assinaram um acordo com os organizadores das Grandes Voltas – juntam-se as seis convidadas, a saber: Radioshack, Team Sky, Katusha, Garmin, Cervelo Test Team e BMC.

Das cinco formações com “wild-card” o seu estatuto no actual pelotão internacional justifica qualquer selecção que pretenda ter os melhores atletas na sua prova. No entanto, para os cinco escolhidos, outros ficaram de fora tal como as holandesas Vacansoleil – uma das formações mais combativas e que havia contratado os irmãos franceses Feillu como “reforço” da sua candidauta -, Skil-Shimano ou ainda a coqueluche francesa, Saur-Sojasun, liderada por Jimmy Casper.

A confirmação do pelotão do Tour, que se inicia a 3 de Julho, em Roterdão (Holanda) é ainda uma boa nova para o ciclismo português que deverá estar representado com a presença de Sérgio Paulinho (RadioShack) e, eventualmente, pelo campeão nacional Manuel Cardoso (Footon-Servetto).

As 22 equipas por nacionalidade e principais figuras
França: AG2R (Dessel, Nocentini), Bbox (Fédrigo, Voeckler), Cofidis (Dumoulin, Moncoutié), Française des Jeux (Casar, Le Mével)
Estados Unidos: BMC (Evans, Hincapie), HTC-Columbia (Cavendish, Rogers), Garmin (Millar, Vande Velde), RadioShack (Armstrong, Leipheimer)
Espanha: Caisse d’Epargne (L. L. Sanchez), Euskaltel (S. Sanchez), Footon-Servetto (Manuel Cardoso)
Bélgica : Omega Pharma (Gilbert, Péraud), Quick Step (Boonen, Chavanel)
Itália: Lampre (Cunego, Petacchi), Liquigas (Basso, Kreuziger)
Alemanha: Milram (Ciolek, Gerdemann)
Dinamarca: Saxo Bank (Cancellara, A. Schleck)
Grã-Bretanha: Sky (Boasson Hagen, Wiggins)
Cazaquistão: Astana (Contador, Vinokourov)
Holanda : Rabobank (Gesink, Menchov)
Rússia: Katusha (McEwen, Pozzato)
Suíça: Cervélo (Hushovd, Sastre)

8 comentários a “ASO anuncia as 22 equipas do Tour”

  1. Vai ser muito emoçionante ver o Manel cardoso no tour de frança e apesar de estar lá todas as vedetas acredito que ele ganhe uma etapa,««BOA SORTE CAMPEÃO

  2. fico contente com este lote de equipas apesar de achar que a vacansoleil lutou muito para ir mas infelizmente nao tem corredores de peso como a BMC,a sky ou a cervelo mesmo tendo os irmaos feillu.

    acho que vai ser uma grande volta a frança com grandes corredores!
    apenas ha alguns nomes que se tivessem noutras equipas era bons para esta prova como scarponi,garzelli,mosquera,brice feillu e pozzovivo!

    espero que o manuel cardoso , o tiago machado e o rui costa vao pois o sergio paulinho nao falta de certeza!

    que acham?

  3. Bela surpresa a da BMC 😀 Irá o Manuel ao Tour ? Seria fantástico … Força campeão 😉

  4. Tenho pena de ver quase a europa toda com equipas e portugal sem nenhuma, pois temos bastantes corredores muito bons. A EDP, a Galp, a PT, Santa casa em vez de patrocinarem com milhões os ralis dakar e outros porque não uma equipa de ciclismo no tour que é visto durante 3 semanas no mundo inteiro com audiências muito altas…Mas é o pais que temos mas espero que mude…

  5. falam das noticias de frança mas nao na taça de cadetes. até o cicloturismo tem mais interesse.

Os comentários estão fechados.