Presidente da Câmara justifica volte face no Cartaxo

“O Cartaxo-Capital do Vinho vai transformar-se numa equipa de elite e sub-23. Não conseguimos o financiamento para concretizar o projecto de dimensão financeira maior, na ordem dos 270 mil euros. Esse sonho maior fica adiado, eventualmente para 2010, se as circunstâncias actuais melhorarem”. Paulo Caldas retrocedeu da intenção de criar uma equipa de ciclismo profissional no Cartaxo e atribuiu responsabilidades a um “retraimento dos patrocinadores” e à atitude “sensata e ponderada” do municipio. Citado pela Lusa, o presidente da CM do Cartaxo avançou que a equipa sub-23 terá um orçamento de 120 mil euros, sendo que a autarquia comparticipará o projecto em 30 mil euros.

Depois do Benfica, do projecto da região Oeste é a vez do Cartaxo não efectivar a inscrição como equipa continental. Afectados por este revés ficam diversos ciclistas já comprometidos com a equipa: os espanhóis Manuel Lloret (ex-Barbot), José Antonio Garrido (ex-LA-MSS) e Aketza Peña (ex-Euskaltel) e os portugueses Bruno Sancho, Edgar Anselmo, Fábio Cera e Fábio Coelho, todos antigos corredores do Benfica, que se juntariam a David Sarreira, João Xavier e Daniel Domingos (ex-Imocom-Cartaxo).  “Vamos conseguir dar a volta a todas as situações [desemprego], de uma forma positiva”, avaliou Paulo Caldas sem especificar quais as contra-partidas a conceder aos atletas inicialmente vinculados ao projecto.

2 comentários a “Presidente da Câmara justifica volte face no Cartaxo”

  1. Estou de acordo com o senhor Nuno Mascarenhas,só tenho pena não ter entendido bem o comentario, devido a um certo numero de erros ortograficos(poucos, quase nem se nota).
    ;). Agora a serio é tenho pena que este projecto não avance, principalmente pelos portugueses Bruno Sancho, Edgar Anselmo, Fábio Cera, Fábio Coelho ,David Sarreira, João Xavier e Daniel Domingos. Quanto aos restantes espanhóis Manuel Lloret (ex-Barbot), José Antonio Garrido (ex-LA-MSS) e Aketza Peña (ex-Euskaltel) não estou muito preocupados com eles, visto que estão muitos ciclistas Portugueses numa situação delicada e com valor até muito superior ao desses meninos e pelos vistos ninguem se preocupa com eles, por ex. dirigentes e entidades federativas. Abraço

  2. o senhor presidente já sabia que não tinha dinheiro ,armoçe em bom e depois deixou os outros mal vistos,e que são pessoas conceitoadas no ciclismo. não se brinca assim com as pessoas. e que o clube ciclismo josé maria nicolau tem neste momento as formações todas desde das escolas aos sub 23.quem trabalha todos os dias em prol de um clube fica desanimado .porque os miodos das ecolas so perguntão quem vem para a minha equipa dos proficionais.não se fas isto a quem gosta mesmo de ciclismo. (obrigado)

Os comentários estão fechados.