Contra-análise confirma EPO de Thomas Dekker

A contra-análise pedida pelo holandês Thomas Dekker confirmou o primeiro resultado positivo devendo o atleta ser sancionado com uma suspensão que poderá atender os quatro anos. O positivo de Dekker, 24 anos, a EPO foi declarado após a recolha de amostra de num controlo fora de competição efectuado em Junho.
A UCI recolheu informação do passaporte biológico e uma amostra de urina do corredor datada de 2007 para referenciar o corredor holandês vencedor em 2007 da Volta a Lombardia e do Tirreno-Adriatico 2006.

5 comentários a “Contra-análise confirma EPO de Thomas Dekker”

  1. O cerco vai apertando e eles vão sendo apanhados, deveriam era ser irradiados para sempre assim ficavam mais lugares abertos para novos ciclistas. Com tanta falta de emprego que há e estes despedem-se” Viva o controlo anti-doping”.CA

  2. como alguém (LS) disse “fizemos tudo bem, não sei o que poderá ter corrido mal?…”

  3. Olha este não era uma cabala. Esperou esperou pela contra análise e deu mesmo positivo. Deve ter ficado surpreendido o rapaz… Quase nunca a contra análise confirma o primeiro controlo! Que estranho… Agora sim vai admitir que tomou alguma coisa, se não tivesse dado continuava a ser inocente.

  4. Viva , menos um vigarista fora de circulação , devia ser sancionado com irradicação vitalicia de q/q actividade ligada á modalidade. Viva a luta anti-doping

Os comentários estão fechados.