Do Mendes Bota, ao Brito da Mana, passando pelo Zeca Teixeira, e o Zéquinha, nomes incontornáveis do ciclismo algarvio

O ciclismo no Algarve esteve e sempre estará confinado a duas cidades, ali paredes meias e que, curiosamente, não alimentam grandes rivalidades, entre o trabalho efetuado por uma e outra equipa.

Loulé e Tavira são esses epicentros, concelhos que tiveram a sorte de terem, no seu comando, presidentes de câmara que sempre nutriram grande carinho … Ler mais