REPENSAR AS ESTRUTURAS WORLDTOUR

As estruturas das principais equipas mundiais são cada vez mais imponentes. Nalguns casos, embora nos agrade aos olhos e dê uma imagem megalómana e de saúde do ciclismo, perguntamo-nos de facto, para quê tanta coisa e tanta gente.

Olhando para a Astana, que atravessa períodos de dificuldade financeira, tem trinta ciclistas e, no staff, que … Ler mais