Vantagens e desvantagens da nova legislação

A criação de equipas continentais não profissionais abre um precedente considerados por muitos de criação de conflito de interesse, porquanto com obrigações diferentes os direitos acabam por ser iguais, quer para equipas profissionais quer para não profissionais.

As vantagens desta nova legislação poderá permitir a criação de um pelotão com dez equipas continentais, auto suficiente … Ler mais

por decisão da FPC: em 2018 equipas continentais profissionais e não profissionais

A Federação Portuguesa de Ciclismo admitiu para o ano de 2018 a possibilidade de existência de dez equipas continentais UCI,  com a particularidade de as distinguir: sete terão estatuto profissional e três estatuto amador, ou não profissional.

O regulamento admite obrigações  , entre o que pode ser considerado uma equipa profissional, obrigada a cumprimentos de … Ler mais

WATTS A MAIS, CICLISMO A MENOS

A cada ano, quando acaba o Tour, ficamos um pouco órfãos de ciclismo. Durante o Tour, podemos criticar ciclistas, táticas ou a forma como a prova se desenrola, a organização, desesperar nas etapas sem interesse ou por uma prova com cada vez menos interesse. Tudo nos ocorre durante três intensas semanas. No fim, fica um … Ler mais